Naruto Portugal RPG
Sê bem-vindo ao Naruto Portugal RPG! Para teres acesso completo ao conteúdo do fórum, deves fazer Login ou Registar-te.



E o ciclo da vida repete-se! As pacíficas vilas voltam a unir-se para combater um mal em comum. Vem conhecer o melhor e mais antigo role play de Naruto, totalmente em português.
 
InícioPortalCalendárioFAQBuscarRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Missão de Rank D - Refeições sobre rodas... NOT!

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Sennin

Administrador | Suna
Administrador | Suna
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 23
Localização : Your mom's rear
Número de Mensagens : 7042

Registo Ninja
Nome: Kaito
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 500
Total de Habilitações: 24

MensagemAssunto: Missão de Rank D - Refeições sobre rodas... NOT!   Qua 30 Dez 2009 - 2:01

Descrição: Os encarregados da distribuição de refeições aos idosos demitiram-se por serem constantemente atacados. Os autores dos ataques são desconhecidos. Peçam ajuda aos encarregados e tentem desmascarar os malandros!

Recompensa: 300 Ryos + 1 scroll + 1 cumprimento
Número de Ninjas: 2 a 4 Gennins

Pessoas Inscritas: Akill e Junshikuro (Kimura Endo)


Última edição por Sennin em Ter 10 Ago 2010 - 12:57, editado 3 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Annatar

Membro | Nukenin
Membro | Nukenin
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 23
Localização : Porto
Número de Mensagens : 1602

Registo Ninja
Nome: Selim Puraido
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 1505
Total de Habilitações: 262

MensagemAssunto: Re: Missão de Rank D - Refeições sobre rodas... NOT!   Seg 14 Fev 2011 - 16:16

Missão reciclada e aberta a inscrições!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akill

Membro | Kiri
Membro | Kiri
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 22
Número de Mensagens : 56

Registo Ninja
Nome: Arky
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 185
Total de Habilitações: 26,75

MensagemAssunto: Re: Missão de Rank D - Refeições sobre rodas... NOT!   Qui 23 Fev 2012 - 1:24

Me inscrevo juntamente com Kai(Personagem secundário do Drow Elf,emprestado pelo mesmo)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dorou

Administrador | Kiri
Administrador | Kiri
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 21
Localização : Belem/ Pa - Brasil
Número de Mensagens : 2883

Registo Ninja
Nome: Azura Inugami
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 16915
Total de Habilitações: 349,5

MensagemAssunto: Re: Missão de Rank D - Refeições sobre rodas... NOT!   Qui 23 Fev 2012 - 2:18

Inscrito, espere mais um tempo para ver se alguem se inscreve também, caso nao, voce poderá começar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ozzymandias

Membro | Nukenin
Membro | Nukenin
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 60
Localização : Unknown
Número de Mensagens : 4010

Registo Ninja
Nome: Hiroshi Daisuke
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 15190
Total de Habilitações: 1029

MensagemAssunto: Re: Missão de Rank D - Refeições sobre rodas... NOT!   Qui 23 Fev 2012 - 11:55

Eu me inscrevo! uhuuu! \o/
Voltar ao Topo Ir em baixo
killer999

Administrador | Konoha
Administrador | Konoha
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 26
Localização : In your head
Número de Mensagens : 12265

Registo Ninja
Nome: Angelus
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 31866
Total de Habilitações: 693,75

MensagemAssunto: Re: Missão de Rank D - Refeições sobre rodas... NOT!   Qui 23 Fev 2012 - 13:18

Inscrito, se até ao final do dia, ninguem se inscrever, começem pela ordem da inscricao
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.dragonball-pt.info
Dorou

Administrador | Kiri
Administrador | Kiri
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 21
Localização : Belem/ Pa - Brasil
Número de Mensagens : 2883

Registo Ninja
Nome: Azura Inugami
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 16915
Total de Habilitações: 349,5

MensagemAssunto: Re: Missão de Rank D - Refeições sobre rodas... NOT!   Qui 23 Fev 2012 - 20:24

Acredito que ja podem começar, nao tem mais nimguem em kiri para se inscrever, então, vamos lá:



1° - Akill
2° - Jun
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akill

Membro | Kiri
Membro | Kiri
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 22
Número de Mensagens : 56

Registo Ninja
Nome: Arky
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 185
Total de Habilitações: 26,75

MensagemAssunto: Re: Missão de Rank D - Refeições sobre rodas... NOT!   Sex 24 Fev 2012 - 17:32

Citação :
Já era por volta das 15:00 da tarde quando Akill é convocado pelo Mizukage. Chegando ao gabinete do kage,o genin vê que além dele,mais dois ninjas haviam sido convocados.
-Vocês tem uma missão.Escolhi vocês para proteger o Centro de distribuição de Refeições para idosos, sua tarefa é prender os responsáveis pelo tal ato.
Dizia o kage.Ambos acenavam com a cabeça,aceitando a missão. Akill logo já esta pronto para partir com o seu novo companheiro de missão quando o mesmo se vira para o genin e estende sua mão e fala:
-Prazer, meu nome Kimura Endo.
-Prazer,sou Kai.
Para não desfazer a cortesia o ninja também estendia sua mão dizendo:
-Meu nome é Akill,prazer...Agora vamos logo!
Akill estava com pressa e meio reprimido por ser a primeira vez que fazia uma missão e ainda mais com dois companheiros mais experientes. Durante o percurso até o “Asilo”,Kai,que por sua vez era um chunnin para e começa a falar para os dois ninjas.
-Vamos fazer uma rápida pausa.
- Do que esta falando? Não podemos ficar fazendo pausas.
-Podemos e iremos fazer.
-Para que? Já esta cansado? Mal começamos a andar.
O chunnin lá parado no meio da estrada fala:
-Primeiro falem suas técnicas e habilidades.
-Você... Deve ser um espião...
-Claro que não,para podermos fazer uma missão boa teremos que saber as técnicas que cada um possui.
--Se for assim,tudo bem,mas vamos continuando,enquanto isso.
Então o trio continuava à andar...
-Bom eu posso usar alguns jutsus de fuuton e suiton..
-Eu não possuo muitos jutsus,mas tenho algumas técnicas envolvendo armas...
Akill então ficava em silêncio por alguns estantes,a sua técnica mais forte era um taijutsu,ainda de nível baixo.
-Então Akill?
-Bom,não tenho muitas técnicas,apenas as de academia e um taijutsu.
-Pode ser muito útil...
Dizia Kimura enquanto o trio estava a chegar no asilo,onde logo eram recebidos pelo inspetor do recinto logo na entrada:
-Olá,meu nome é Chain,sou o inspetor do centro,encarregado de inspecionar tudo o que ocorre internamente.
-Oi.
-Oi.
-Olá...Bom,já vamos começar o trabalho,mas primeiro precisamos de todas as informações possíveis.
-Bem. O asilo é bem reconhecido pela região,não sabemos ainda quem está por trás dos roubos,eles tem nos atacado e roubado os alimentos que estão guardados dentro daquele armazém
O inspetor então aponta em direção ao armazém,fortemente fechado por um enorme cadeado recém comprado. Em sua porta havia várias marcas,parecendo mais arranhões, os ninjas vendo aquilo comentam:
-Parece que essa porta foi arranhada por alguma coisa afiada.
[color=DarkBlue]-Não foi por uma kunai,a espessura é bem diferente de um corte feito por kunais.
-Para mim, parecem mais arranhões de gato.
Os ninjas então ficam olhando para Kai com uma feição de espanto, como um chunnin poderia falar uma coisa dessas? É então que Chain acrescenta uma informação valiosa.
-Para falar a verdade, o problema mais grave não se encontra aqui, esses marginais atualmente estão atacando o camponês que traz as comidas para cá.
-E onde ele mora?
- Ele mora perto daqui,na estrada para a vila vizinha de Kiri, falando nisso, ele já deve estar vindo para cá nesse exato momento.
-Vindo para cá?
-Sim.Ele vem toda terça e quinta nesse horário,para repor o estoque de alimentos,infelizmente as vezes ele é surpreendido com um ataque dos marginais no caminho, vindo para cá.
-Ele já deve estar na estrada, se conseguirmos encontrá-lo antes dos inimigos poderemos protegê-lo e capturar os criminosos.
-Sim,vamos.
-Esperem,não podemos deixar o asilo desprotegido, não sabemos o que os oponentes pretendem.
-Então o que faremos?
-Eu ficarei,já que sou chunnin e possuo maior número de jutsus,eu fico aqui e protejo a asilo,enquanto vocês dois vão atrás do camponês.
-Certo!
Akill e Kimura então partem do local, indo em direção à estrada,eles vão pulando dentre as árvore. Após alguns minutos pulando sobre as árvores semi-úmida os ninjas encontram uma coisa bastante interessante perto do caminho que leva à vila vizinha.
-O que é isso?
-Que estranho parece pelo.
-Mas pelo num lugar como esses? Gatos e cachorros não costumam vir até aqui .
-E não conheço nenhum outro animal com esse tipo de pelagem,a não ser esses dois.Bom, isso pode não significar nada,não podemos ficar nos prendendo com isso.
Os dois então continuam o trajeto, quando escutam um barulho forte estremecendo o chão,logo sobre a colina aparecia o rosto de um cavalo que logo ia se completando com o resto de seu corpo que ia puxando uma carruagem. Em cima dela um velho guiando os passos do cavalo,ao nos ver ordena que o cavalo pare, e desse da carruagem.
-Quem são vocês?
-Somos ninjas de Kiri,viemos aqui acompanhá-lo até Kiri para que não seja roubado.
-Até que enfim mandaram uns ninjas,para caçar aqueles gatos.
O senhor de idade então sobe na carruagem enquanto os dois ninja ficam à se perguntar: “Gatos?”
Então começaram a seguir o trajeto de volta para Kiri,o senhor na carruagem pesada por causa da quantidade de alimentos e os dois ninjas andando cada um de um lado,calmamente,o sol já estava a se esconder, parecia que nada iria acontecer por ali,Akill então começa a comentar:
-Então senhor, nos diga sobre os criminosos que andam o roubando.
-Ah meu filho,não tenho muito a dizer,nós tentamos ajudar os mais necessitados,pra depois vir esses bichos e roubarem tudo o que plantamos.
Kimura então percebe umas sombras diferentes pelo chão,com certeza não era de um humano.
-Akill!
Akill já percebendo pelo tom da voz de Kimura vira para trás e se depara com um monte de gatos, era em média 16 gatos,todos de uma pelagem colorida e brilhante.
-Cuidado!São eles, protejam os alimentos.
-Gatos. A fala sério, gatos?

Esses gatos não deve ser normais,cuidado. Eles podem ser um tipo de invocação,ou alguma coisa,assim.
-Só há um jeito de saber se são invocações ou não...
Akill juntamente com Kimura ficam em alerta esperando a reação dos suposto criminosos.Os gatos começavam a se aproximar da carruagem enquanto surpreendentemente se apoiava sob suas patas traseiras. Os felinos então começavam a conversar entre si, não dava para saber o que falavam já que sua língua era totalmente diferente da dos humanos. Os gatos então mostravam suas garras e mais rápido do que um enxame de abelha começam a saltar em direção à carruagem.
-Então os criminosos eram os gatos mesmo.
Akill logo saltava pegando rapidamente uma kunai e usando a carruagem como apoio consegue alcançar os gatos em pleno ar, o genin golpeia uns que caem ao chão,porém logo se levantam novamente pois seus longos pelos controlavam demasiadamente o avanço da kurai. Akill já tinha perdido a altitude e pousado sobre a carruagem quando um outro gato saltava logo enchendo suas unhas enormes com chakra.
Iria ser um corte impiedoso, porém Kimura salta a e crava uma kunai no peito do gato que cai morto no chão, vendo a morte de seu companheiro os gatos ficam mais agitados ainda,acumulando chakra em suas garras prontas para dilacerar os genins. Os mesmos vendo que iria ser uma luta feia gritam para o camponês:
-Vá, rápido,te damos cobertura.
O camponês sem hesitar já sobe em sua carruagem e parte repidamente. Enquanto a trilha chega a estremecer com os gatos furiosos,loucos para matar os dois humanos ali presentes.
Akill,é agora.
Akill então percebia que era a hora perfeita para um distração,então realiza os selos e grita bem alto:
- Oboro Bunshin no Jutsu (Clone de Nevoeiro)
Então varias ilusões de Akill são criadas,os gatos sem saber que tipo de jutsu era aquele começam a atacar furiosamente as ilusões, enquanto Kimura pegava logo sua Shuriken e a embalava em chakra de fuuton realizando o jutsu Kaiten Shuriken (Shuriken Rotativo), logo estava a arremessar a enorme shuriken enquanto a mesma transpassava as ilusões criadas por Akill,atingindo os gatos distraídos.
Ao todo foram 7 gatos mortos pela shuriken,quando mais outro grupos de aparentemente 10 gatos aparecia trazendo uma bomba de fumaça,apagando o campo de visão dos genins que já começavam a tossir por causa de tanta fumaça, a nuvem feita pela bomba logo era desfeita com o vento que soprava pela estrada,no campo só havia os cadáveres dos gatos retalhado pela shuriken, enquanto lá longe dava para ver os gatos correndo atrás da carruagem que corria em disparada.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ozzymandias

Membro | Nukenin
Membro | Nukenin
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 60
Localização : Unknown
Número de Mensagens : 4010

Registo Ninja
Nome: Hiroshi Daisuke
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 15190
Total de Habilitações: 1029

MensagemAssunto: Re: Missão de Rank D - Refeições sobre rodas... NOT!   Sex 24 Fev 2012 - 18:50

A carroça saiu em disparada, sendo perseguido pelos gatos-ninja restantes. Kimura e Akill foram pegos de surpresa com a cortina de fumaça e perderam tempo precioso para perceber o ardil dos gatos. Logo em seguida, ambos correram pela estrada, e à medida que avançaram, a carroça parecia cada vez mais distante. Vendo isso, Kimura percebeu que não alcançariam a carroça dessa maneira, então, acenando algumas instruções, sugeriu que se embrenhem na mata para cortar caminho. Os dois haviam passado por um zigue-e-zague durante sua vinda até o encontro da carga. A carroça teria que diminuir, e seria essa a oportunidade de pegar os gatunos. Assim, após uma breve conversa, os dois gennins adentram na floresta. Saltavam com força. Com o sangue cheio de adrenalina, eles giravam o corpo no ar e pousaram num galho flexível, logo pegando impulso. Com o tempo eles perderam o carroça de vista, mas ainda escutavam seu barulho descendo a encosta, começando o zigue-e-zague.

Tinha que ser naquele momento. Ainda estavam à meio caminho, então Kimura sugeriu que aumentassem a velocidade. Os genins precisaram forçar seus corpos ao máximo para alcançarem a carroça. Saltaram novamente nas copas das árvores mais próximos. Seus pés ligeiros quanse não faziam barulho enquanto rapidamente escalavam, saltavam e escorregavam por entre as rochas escorregadias de musgo. Dobraram e começaram a descer a encosta perpendicularmente à estrada. Na primeira passagem, eles viram de relance o cocheiro sentado à beira da estrada.

Estava recostado ao poste que avisava sobre a encosta. Se estava vivo ou morto não haveria tempo para parar. Até que, faltando poucas curvas para terminar o trajeto, eles convergiram na carroça dando um grande salto usando todas as forças de suas pernas. Os genins miraram no teto da carroça coberta. Na metade do vôo, ambos perceberam que fizeram besteira. Estavam rápido demais. E logo, como previsto, Himura e Akill bateram no teto e deslizaram para fora com o movimento da carroça. Tentaram agarrar-se desesperadamente. Iriam cair no acostamento e por consequência, na encosta.

Até que, por instinto, eles rapidamente concentraram seus chakras nas mãos e, com o Kinobiri no Jutsu, interromperam a queda com sucesso, estacionando na lateral da carroça, conseguindo segurar na beirada, onde fizeram uma careta de alívio. Mas a carroça não parava. Agora fazia novamente uma curva fechada, saindo do zigue-e-zague. Enquanto isso, Kimura e seu amigo se esforçavam para subir. Ainda não conseguiam ver onde estavam os gatos, entretanto, para sua surpresa, a escotilha do teto se abriu e de lá, dois felinos sob duas patas surgiram equilibrando-se enquanto a carroça balançava.

Armados com kunais e vestidos à caráter, os gatunos pareciam preparados para matar ou morrer. Caminhando em sua direção, olhavam sorridentes para as presas supostamente fáceis. Vendo a morte se aproximar na forma de dois gatos, eles não podiam brincar. Não naquele momento. Então, Kimura chama a atenção de seu colega, fixando a perna direita na parede da carroça, indicando um apoio para que Akill conseguisse subir com rapidez. Logo entendendo o recado, Akill pisou com força na coxa de Kimura, que gemeu de dor e de esforço que, por pouco, não conseguiu concentrar chakra suficiente para manter a perna grudada. E então o garoto subiu rapidamente, defendeu-se de um dos ataques, mas não do outro, do qual cortou-lhe à altura do estômago. Estavam enrrascados.

A luta no teto da carroça não facilitava nada para Kimura. Era difícil manter-se equilibrado. O balanço, as fortes curvas e o vento dificultavam qualquer movimento ágil. Kimura ainda se esforçava para subir no teto. Ele suava e deslizava pela parede, e quando pensou que iria cair, a escotilha lateral da carroça se abriu e de lá, mais um gato armado só com suas garras ameaçava cortá-lo ao meio. Assim, o ninja viu-se com problemas. Deslizava pela lateral, concentrado em manter-se preso com seu chakra enquanto tentava esquivar-se dos repetidos ataques do felino amarelo. Soltando a primeira mão da lateral, Kimura balançou o corpo e conseguiu escapar do primeiro golpe, mas quando retornou a posição original, outro golpe cortou-o no antebraço.

Akill não conseguia ajudar seu amigo, estava ocupado demais defendendo-se como podia dos dois felinos que revesavam em ágeis ataques. A carroça balançava com força e os genins acuados, um no teto e outro na lateral, lutavam contra a gravidade e contra os felinos raivosos que queriam seu sangue. Kimura então teve uma grande idéia. O gatuno que o atacava deixava sempre metade de seu corpo para fora da janela da carroça para o atacar, então, soltando o braço ferido mais uma vez, desligando o kinobiri, Kimura pegou um shuriken com o fio shinobi e o arremessou com força, manipulando-o com o Söshuriken no Jutsu na tentativa de enrolar o fio numa viga de madeira dos grandes arcos que indicavam que Kiri estava próxima.

Assim, mesmo sofrendo mais um golpe em seu outro braço, esforçou-se usando mais chakra do que força para se manter agarrado. O som do fio saindo de sua mochila com velocidade enquanto se afastava fez as orelhas do felino amarelo virar à procura daquele ruído estranho. Então, usando como combustível a raiva por ter sido atingido Kimura puxou o fio e conseguiu prendê-lo na viga, fixando-o firmemente. E assim, antes que o gato percebesse do que o ruído fino se tratava, Kimura pegou o fio que quase havia chegado ao fim e o enroscou na pata do felino. O gato ainda tentou se desvencilhar, mas sem sucesso. O fio chegou ao fim e o gato foi puxado com violência para fora da carroça ao mesmo tempo em que quebrou a sua porta lateral.

Balançou o corpo, Kimura faz um movimento de pêndulo e com agilidade conseguiu entrar na carroça atravéz do buraco deixado pelo animal. Uma vez lá dentro, ainda ofegante e ensanguentado, ele olha em volta e vê toda a comida roubada. Vê também, pela janelinha da frente, as orelhas felpudas do cocheiro, que estalava as rédeas com força para ganhar velocidade. Agora estavam desviando do caminho da vila entrando numa trilha que desconhecia. No teto, som de gemidos e luta. Parecia que os felinos de cima não haviam percebido sua intrusão. Então, pela escotilha ainda aberta, Kimura enxergou as patas traseiras de um dos gatos que lutavam no teto.

Sacou mais uma vez outra linha shinobi. Kimura a arremessou para o alto, deixando o vento fazer seu trabalho. E quando a linha se enroscou no pescoço do felino surpreso, o genin tirou os pés do chão, usando todo seu peso e força, forçando o felino a cair e entrar, batendo no fundo da carroça com grande dor. O gato branco deu um silvo ameaçador quando viu o responsável pela sua queda, mas estava enrolado demais na linha shinobi para tentar qualquer defesa. Kimura então, chutou exatamente na base da pilha de pequenos barris de água, que despencaram e encobriram o gato que gemeu. Então, quando já ia subir para ajudar seu colega, o som de luta pára e Akill empurra o outro felino teto à baixo pondo a cabeça na escotilha gritando: - E o cocheiro?! Já estamos em outro caminho e ele ainda continua a correr!!

Ouvindo isso, pela janelinha que dava acesso de dentro da carroça até o cocheiro, Kimura encosta a kunai na jugular do gato negro com tapa-olho no olho esquerdo. Vendo isso, o gato aperta o freio e pára a carroça. Uma vez parado, Akill dá um pontapé certeiro na têmpora do animal fazendo-o ficar inconsciente. Finalmente a perseguição havia terminado. Kimura e Akill caem sentados no chão, ofegantes e agradecidos pelo sucesso. Akill então analisa a situação e comenta que a carroça estava indo em alguma direção daqui, que seria uma oportinidade única para eles acharem e prenderem os verdadeiros responsáveis pelos roubos. A missão ainda não estava terminada. Kimura olhou para seus dois braços feridos e os ferimentos de Akill, que estava com cortes profundos no peito e coxas.

Vendo isso, Kimura faz os primeiros socorros, enfaixando seus braços e os ferimentos do colega, não era grande coisa, mas ajudava a estancar. Ele sabia que estavam bastante machucados e cansados para continuar, entretanto, parecia que orgulho e a adrenalina haviam falado mais alto, pois os dois concordaram sem pestanejar que deveriam continuar até achar os responsáveis.

- Ufa! Essa foi por pouco! - Diz Akill deitando de costas para cima.
- Realmente. - Respondeu Kimura. - Mas como você também notou, lutamos com quatro. Onde estão os outros seis?
- Vamos perguntar.

Levantando-se, Akill desenterra o gatuno que havia ficado soterrado pelos barris de água. Ainda estava consciente, só com algumas escoriações, mas continuava amarrado com a linha shinobi. Assim, chegando perto de seu rosto, Akill perguntou para quem ele trabalhava e onde estariam os outros seis que os acompanharam. O gato permaneceu calado. Mais uma vez ele insistiu, e nada, o felino parecia decidido a não contar seus segredos. Kimura então pensou noutra solução. Pegando o pequeno barril que armazenava água, ele o destanpou e derramou algumas gotas dágua no corpo do animal. Ambos viram a careta que o felino fez. Agora sabiam como quebrar sua vontade de esconder segredos.

Continuando, Kimura acena com a cabeça para que Akill perguntasse outra vez. Com o novo silêncio do gato, Kimura derramou mais água, agora na cabeça. O gato esperniou e se entregou quando Kimura apontou para os outros quinze barris com água que faltavam ser abertos. Abrindo o bico, falou que a outra equipe havia outra escolta para fazer em uma vila mais próxima. E que só esperaram que a carroça estivesse segura para deixá-los. Disse também que trabalhava para um gato mafioso menor chamado Raio-Prata, e que estavam roubando mantimentos para vender e conseguir dinheiro para comprar armas. Pretendiam destronar o Nekomata, kage da vila secreta dos gatos.

Segundo ele, Nekomata havia ficado pacífico demais, gerando insatisfação com a facção mais valente da gataria. Disse também que todos os produtos dos roubos estavam guardados num velho armazem há cerca de dois quilômetros dali, seguindo a antiga trilha. Quando acabou, Kimura deu-lhe um breve soco na nuca, desacordando-o. Olhando-se, os dois decidiram por continuar com a entrega. Seria um completo sucesso se eles recuperassem tudo que havia sido roubado, seu capitão ficaria orgulhoso. Só havia um problema: O felino não soube dizer o que os esperava ao chegar lá no armazem dos gatunos. Já se antevendo, prenderam os quatro felinos que levavam a carroça amarrados à árvore mais próxima. E de lá foram com a carroça pela trilha. Doloridos e feridos, descansavam enquanto viajavam.


Última edição por Junshikuro em Sab 25 Fev 2012 - 13:42, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akill

Membro | Kiri
Membro | Kiri
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 22
Número de Mensagens : 56

Registo Ninja
Nome: Arky
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 185
Total de Habilitações: 26,75

MensagemAssunto: Re: Missão de Rank D - Refeições sobre rodas... NOT!   Sab 25 Fev 2012 - 0:30

Citação :
Seguindo a trilha indicada pelo gatuno,Akill e Kimura se puseram a pensar em um plano para quando chegassem ao armazém, não seria fácil invadir um covil supostamente cheio de gatos assassinos ainda mais com os seus ferimentos .
-Temos que pensar em algo. Não podemos chegar lar e começar uma luta sem um plano ainda mais quando nós nem sabemos a quantidade de inimigos.
Akill se colocava a pensar em um plano,não havia muito a fazer no momento,a não ser esperar algo vir na cabeça. Akill então começar a estimular seu chakra pelo seu corpo,podia ser até estranho,mas o chakra correndo por cada célula do genin fazia ele se sentir em meio à uma luta,onde estratégias são feitas em piscar de olhos. Kimura também tentando elaborar algo fala:
-Podemos usar Henge no Jutsu (Técnica da Transformação) para nos transformarmos em gatos e adentrar com facilidade ao armazém.
De fato é uma boa idéia,mas aqueles gatos andam sobre duas patas e possuem características muito estranhas,mesmo que se conseguimos nos infiltrar,seriamos pegos ainda lá dentro,o que seria muito pior,pois deve estar La dentro o maior número de gatos.
Os genins voltavam a pensar enquanto o chão semi-úmido lentamente dava lugar à um solo seco e cheio de pedras, o cavalo já maneirava seu passos com cautelas,para não tropeçar e acarretar um desastre. As pedras no chão estremeciam ao passar das rodas da carroça,vendo isso o garoto de cabelos negros começava a manejar em um plano.
-Se pudéssemos trocar de lugar...
Kimura ouvia os pensamentos do jovem genin através de seus sussurros,logo compreende o plano de seu parceiro.
-Entendi,mas como iremos parar lá dentro?
-No inicio da missão você disse que tinha alguns jutsus com as Shurikens,certo?
O silêncio daquela pergunta era sanado pela troca de idéia de Akill com Kimura,após algum tempo conversando sobre o plano Kimura vê ainda longe um grande galpão,provavelmente seria lá onde os genins encontrariam o resto dos alimentos. A carroça já estava a parar sobre uma árvore,quando os ninjas resolvem se aproximar do suposto armazém. Seus passos eram leves, já que a audição dos gatos são super apuradas.,concentrava uma grande quantidade de chakra em seus pés,fazendo os mesmo quase flutuarem sob folhas e pedras caídos no chão. A medida que se aproximavam do galpão percebiam o gradação de muitas vozes,algumas suaves,outras extremamente irritantes,mas por cima de tudo finas.
Sem dúvidas,mesmo dentre as árvores já dava para ver os gatos,aproximadamente 7 do lado de fora,o armazém possuía uma grande porta de metal,aparentemente muito espessa,era a hora de colocar o plano em ação. Kimura pegava o resto da linha shinobi,a mesma com que havia usado anteriormente,não disponibilizava de muito,pois grande parte usou para prender os gatos na árvore, e outra para nocauteá-los na carroça, logo também pegava uma Fuuma Shuriken e outra shuriken normal,aonde amarrava o fio.
-Chegou a hora.
-Sim. E que comece a caça ao gato.
Brincava o genin que mesmo não estando em condições para piadinhas, ousava em fazer para encorajar a si mesmo e o seu amigo. Kimura então começava a realizar os selos,o pequeno barulho realizado pelos choque das suas mão ao realizar cada selo,já informava aos gatos que havia algo ali.
- Bunshin no Jutsu (Técnica de Clonagem)
Rapidamente Akill realiza os selo necessário para utilizar Oboro Bunshin no Jutsu (Clone de Nevoeiro). Então dentre as árvores saem 5 clones de Kimura e mais 6 clones do nevoeiro de Akill. O mini exercito de clones que não poderiam atacar, com certeza não serviria para nada mais,além de distração.O conjunto de Akills e Kimuras iam correndo avançando rapidamente,enquanto que algum dos arruaceiros,provavelmente os mais experientes possuíam espadas,vinham de encontro.
Quando os clones já estavam a se colidirem com os ataques dos gatos, Akill pega e atira varias kunais enquanto adentrava em meio a “mini guerra”,cada kunai em um clone, os clones de Kimura eram atingidos as vezes pelo ataque dos gatos,outras vezes pelas kunais e desapareciam em fumaça,o que atrapalhava a visão dos gatunos,o que era a deixa de Kimura que energizava a shuriken com seu chakra e logo a atacava,controlando-a com o fio,tornado-a uma espécie de corrente,bastante eficiente.
Enquanto que os clones de Kimura desapareciam em fumo, os Clones de Akill deixavam as kunais passarem livremente pelos seus corpos, ferindo fatalmente alguns felinos,quando não os feriam mortalmente Akill mesmo se revelava o verdadeiro e rapidamente os assassinava,logo depois se misturava aos clones novamente . Kimura já estava à se aproximar lentamente do portão se encobrindo através das lutas de Akill, porém clímax da batalha já havia acabado,Akill estava por matar mais um gato restando assim apenas 2 grandes gatos,um preto,um branco,os dois possuíam uma espada, eram os mais experientes,que não se deixaram enganar pelos clones dos ninjas.
Os genins já recuavam alguns passos,aqueles gatos eram mais altos do que os outros,eles sabiam que teriam que adentrar logo no armazém antes que aparecessem mais oponentes.
-Mudança de planos,você vai!

-O que está falando? Não vou deixar você sozinho para enfrentar os dois sozinho.
-Não temos muita escolha.Prepare-se!
O jovem então toma a Fuuma Shuriken da mão de seu companheiro e logo pegava uma segunda Fuuma Shuriken que estava guardada na bolsa de Kimura. O integrante do clã Hebi então logo se colocava a realizar os selos para utilizar Henge no Jutsu (Técnica da Transformação), assim se transformando em outra Fuuma shuriken idêntica às outras duas.
Akill já estava a fazer seu chakra percorrer seu corpo inteiro,as três Shurikens que já estavam em suas mãos, já estavam à ser banhadas pelo chakra do ninja. Ele então se posiciona, segurando com uma certa dificuldade as três grandes shurikens, os dois gatos restantes estavam à dar um certo sorriso,provavelmente zombando da inexperiência do genin,que fica histérico fervendo de raiva,quando diz ao seu companheiro que já estava com forma de uma shuriken:
-Fique transformado até eu chegar,não sabemos quantos inimigos tem lá dentro, me espere.
És então que o ninja salta no ar e joga as três shurikens, no começo elas estavam indo em direção aos gatos, mas a medida que se aproximaram sua trajetória foi desviada para o enorme portão. O gato preto desesperado tenta a sorte ficando na frente de uma das shurikens e tentar pará-la com sua espada. O genin vendo isso da um grito.
-Não irei deixar!
Akill rapidamente retira uma kunai de seu bolso e a arremessa contra o rosto do gato que esta à se movimentar contra a Fuuma Shuriken, se ele bloqueasse o avanço da shuriken ia ser atingido em cheio pela Kunai. É óbvio que o gato interrompeu seu movimento permitindo a passagem das shurikens para se desviar da kunai.
As três shurikens atravessavam o enorme portão denso,supostamente por que o matérial que elas eram feitas era muito bom e devido ao chakra de Akill que as energizou dando mais velocidade,assim mais impacto.
Os gatos estavam à ver as shurikens transpassando o portão,quando escutam:
- Shunshin no Jutsu (Técnica do Movimento Rápido do Corpo).
Como em um piscar de olhos, o genin aparecia na frente do gato preto,com uma kunai em mão, faz um movimento rápido,não tão rápido quanto o reflexo do gato, que já estava a levar a lâmina da espada em direção ao pulso do ninja. O garoto não vendo outra opção no momento retarda o movimento cortando uma parte da barriga do gato, como um flash a mesma kunai usada para ferir o gato agora estava sendo usada para defender Akill da espada. A disputa de força entre gato e ninja estava acirrada,quando...
- Que cheiro é esse?
Quando o genin se vira dá de cara com o gato branco empunhando sua espada,ele já estava perto demais para retirar outra kunai do bolso, Akill não tinha outra escolha a não ser usar seu taijutsu Konoha Senpu o ninja então da um chute na cara do gato branco que por estar prestes a corta a cabeça do genin não tem como se desviar recebendo o golpe em cheio, logo depois o ninja tenta dar a rasteira no gato preto ainda enquanto esta a segurar a kunai impedindo o avanço da espada,o gato preto consegui se desviar e ainda por cima passar a lâmina levemente sobre o braço de Akill,que se afasta ligeiramente.
A tentativa do gato branco de cortar a cabeça do genin ao meio conseguiu cortar apenas a bochecha do ninja que estava à sangrar, contudo após receber uma pancada na cabeça o gato fedorento ficava inconsciente e caia sobre o chão.
Akill agora tinha que enfrentar o gato escuro,analisando as habilidades do felino,Akill percebia que ele era rápido,não tão quanto o branco,mas relativamente rápido,possuía ótimos reflexos,e que a espada era a coisa onde ele usava velocidade e reflexo junto, a partir disso o genin sabia que seu próximo ato seria ter que destruir a espada.
Então pegou mais uma kunai,agora ambas as mão estavam armadas, fez seu chakra fluir até a sola de seu pé e começou a correr em direção ao gato em alta velocidade. O gato por sua vez começou a fazer vários movimentos com a espada, os som era o mesmo de uma vareta sendo balançada em alta velocidade, cortando o vento. O ninja não se intimida e continua a correr aumentando cada vez mais sua velocidade, gato e genin estavam prestes à colidir, quando o ninja usa toda aquela velocidade para pular,um salto bem alto, o gato por sua vez para de sacudir a espada e salta também inclinando a ponta da espada à Akill, que por sua vez atira uma das kunais,o animal se defende mudando o eixo da espada. É então que Akill usa seu chakra pra rodopiar no ar, foi o momento perfeito, o genin prendeu seus pés nas laterais da lâmina, prendendo-a.
Akill então começa a inclinar seu corpo para trás juntamente com todo seu peso,puxando a espada,mesmo assim o gato continuou à segura-la,a espada só não cedeu pois os pés de Akill estavam com chakra,o que fazia grudava a espada aos seus pés perfeitamente. Vendo que o felino não iria ceder, o genin ainda encurvado no ar taca a kunai de sua outra mão,o bichano não vê outra alternativa à não ser soltar a espada para se defender.
Os dois já estavam à aterrissar sob o solo, o ninja agora possuía a espada,enquanto o gato, garras furiosas,sedentas de sangue.
Agora o gato que partia para o ataque,furioso por perder sua espada,concentrava uma enorme quantidade de chakra em suas garras,se o ataque acertasse o ninja,ele iria ser dilacerado cruelmente. O ninja já estava nervoso,pois não sabia em que situações seu amigo estava passando e o ferimento na bochecha não parava de sangrar o que o deixava mais irritado. Ele estava à emanar um chakra negro,obscuro.
- Cansei de brincar.
O ninja então bem diferente do que antes desaparece usando Shunshin no Jutsu (Técnica do Movimento Rápido do Corpo) aparecendo atrás do gato, que estava inclinado prestes à atacar, Akill pega então a espada e enfia sem piedade no pescoço do felino,que já caia morto.
O Chakra escuro desaparecia lentamente, enquanto Akill voltava ao seu estado normal.Sem perder tempo o genin ainda sangrando corre em direção à entrada do armazém,onde seu amigo o esperava.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ozzymandias

Membro | Nukenin
Membro | Nukenin
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 60
Localização : Unknown
Número de Mensagens : 4010

Registo Ninja
Nome: Hiroshi Daisuke
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 15190
Total de Habilitações: 1029

MensagemAssunto: Re: Missão de Rank D - Refeições sobre rodas... NOT!   Sab 25 Fev 2012 - 13:57

Tudo girava vertiginosamente. – Isso vai Doer – Pensava pouco antes de atravessar o portão da frente e atingir um caixote, atravessando sua parede e chocando-se no arroz que a caixa trazia. Com a pancada, Kimura não conseguiu manter o Henge no Jutsu, retornando a sua imagem original. Procurou por novos ferimentos, mas milagrosamente o arroz amorteceu sua velocidade e consequentemente, o dano. Entretanto, os cortes de seus braços recomeçaram o sangramento. Não tendo tempo para se preocupar com isso naquele momento, o genin fica quieto e tenta escutar qualquer movimento do lado de fora do caixote quebrado. Ficou preocupado ao notar que os únicos ruídos do local eram a luta que acontecia do lado de fora do galpão. Estranhando, saiu furtivamente de dentro da caixa. Procurando a cobertura nas pilhas de alimentos, Kimura sobe numa dessas pilhas com cuidado para não ser ouvido. Então ao chegar lá no alto, há cerca de cinco metros do chão, olhou em volta.

O local era mal iluminado. Possuía algumas lamparinas a gás penduradas nas vigas do teto. Não pôde ver muita coisa de onde estava então resolveu saltar por sobre as pilhas de sacos com os alimentos roubados. Saltou para a segunda pilha, estava afastada há cerca de três metros de distância. Girando o corpo com agilidade, pôde ver melhor o ambiente à medida que pousava silenciosamente noutra pilha. E assim, em poucos minutos, repetiu o salto com as outras cinco pilhas que circundavam o galpão. Com o reconhecimento feito, percebeu que o galpão estava quase vazio, exceto o gato-ninja de cor cinza siamês que repousava sentado numa mesa de madeira. O gato parecia tranquilo, apesar do combate. Olhava fixamente para o portão. Parecia esperar o fim do combate do lado de fora. Estava vestido com roupas de camponês, e graças a isso, Kimura pensou que se tratava de algum carregador ou capataz. Nada que lhe apresentasse ameaça.

- É melhor você se entregar. – Gritou Kimura do alto da pilha de sacos.

O felino olhou para o genin e para sua surpresa, o gato era cego. Havia no lugar de seus olhos brilhantes, duas imagens opacas. Vendo isso, Kimura teve mais um motivo para achar que a missão havia terminado, apesar do combate ainda continuar lá fora. Assim, desceu num ágil salto e começou a se dirigir para fora com a finalidade de ajudar seu colega. Mas, ao chegar próximo à porta, uma cadeira de madeira se quebra a sua frente, interrompendo seu trajeto. - Seu adversário eu serei. – Respondeu o gato no idioma de Kimura. Agora ele possuía uma postura elegante em duas patas. Com o braço esquerdo às costas, ele chama o genin para o combate com a mão direita.

Sem dizer nada, resolveu enfrentar o desafio. Afinal, o que um gato cego poderia fazer contra um genin de Kiri? Para Kimura seria um combate fácil. Então, respondendo com um sorriso, o garoto aperta as amarras de seus ferimentos. Quando termina, rapidamente arremessa dois shurikens no gato e em seguida, vai logo atrás deles. Então, o felino rapidamente faz um jogo de pés estranho que o põe fora da trajetória dos shurikens. E, uma vez escapando dos shurikens, levantou a perna, chutando com poder a face direita de Kimura. O golpe foi ligeiro demais, forte demais. Kimura é arremessado e graças aos sacos de arroz, mais uma vez o dano foi amortecido. Mas não o ardor em seu rosto. O hematoma foi imediato. Assim, pondo a mão no lado ferido, Kimura arrependeu-se em subestimar um inimigo. Mas, não dando tempo para o genin raciocinar, o gato aproximou rapidamente, atacando em cima, Kimura bloquearia com os braços, senão fosse o jogo de pés novamente.

Kimura chegou a fechar os olhos na espera do golpe em seus braços usados para bloquear, mas o chute atingiu a parte interna da coxa esquerda. Desiquilibrado, Kimura baixa a guarda para impedir sua queda e mais uma vez seria alvejado no rosto se não tivesse concentrado rapidamente seu chakra e utilizado o Kawarimi no Jutsu, deixando um saco de cereais em seu lugar, surgindo em cima de uma das pilhas. O gato permaneceu no lugar. Continuava com o braço esquerdo às costas. Suas orelhas o localizaram. Percebendo, Kimura começa a saltar pelas pilhas. O felino o perseguia com velocidade incrível. Atacava em cima, Kimura bloqueava com os braços, mas logo recebia uma pancada na barriga. E só então, girava o corpo e pulava desequilibrado para o outro. E isso se repetiu por três vezes até que o garoto apareceu com uma ideia.

Ainda tinha um pouco de chakra, mas seus braços e pernas estavam em frangalhos. Cansado e ferido, Kimura não espera o felino se aproximar mais uma vez e num salto alto, girou suas pernas para o alto, concentrando seu chakra nos pés, Kimura os gruda no teto, permanecendo fora do alcance do animal. O siamês, então parou por baixo dele, sentou-se e aguardou. Parecia adivinhar que as forças de Kimura estavam no fim. Parecia que apenas havia brincado com a comida e agora esperava para o golpe final. Kimura sentiu medo. Sua breve vida poderia terminar ali. Nas mãos de um gato. Pensou nos pais e nos irmãos. Pensou no seu colega sofrendo lá fora enquanto lutava por sua vida dentro do galpão. O desespero começou a surgir, mas conseguiu se controlar ao ver suas duas Fuuma Shurikens que ainda estavam encravadas nos sacos. Então um plano lhe veio à cabeça. Mas não podia mais gastar chakra. Então, desativando o Kinibiri, ele despenca em direção ao animal que aguardava.

Na queda, Kimura sacou rapidamente um shuriken utilizando o Kaiten Shuriken, fazendo-o girar com seu chakra, arremessando-o contra o inimigo. Mais uma vez o jogo de pés livrou o siamês do corte, liberando o caminho para fugir. E foi o que aconteceu, Kimura caiu no chão fora do alcance dos punhos do felino e correu em direção a uma das Fuuma Shurikens estacionadas na primeira pilha. O siamês, ouvindo seus passos, saiu em perseguição. Kimura recebeu mais um golpe nas pernas, desiquilibrando-se, entretanto conseguiu chegar ao local desejado, rolando agilmente por baixo da lâmina. O gato, que o perseguia em velocidade, parou a poucos milímetros da lâmina.

- Muito astuto para um humano. Mas para sua infelicidade, consigo ouvir a brisa passando por essa lâmina. Isso não funcionará comigo. – Disse sorrindo.

Kimura ainda escutava luta do lado de fora. Então, sem dizer nada, balança a mão num movimento de corte. O shuriken lançado anteriormente em sua queda estava apenas aguardando a ordem para cortar o grande candeeiro de gás preso ao teto. O corte foi seco e silencioso. Seu plano havia funcionado. O felino não poderia diferenciar tantos ruídos parecidos ao mesmo tempo. O som da luta lá fora, o som da brisa na lâmina do Fuuma, tudo camuflou o suave zunido do shuriken. A lamparina despencou e pegou o gato de surpresa. O felino ainda conseguiu fazer o jogo de pés e conseguiu escapar do esmagamento. Morte certa. Mas esse movimento deu tempo para que Kimura rapidamente se levantasse, usando as últimas forças que tinha, juntou as mãos e acertou um poderoso golpe no rosto do gato, que miou de dor, atravessando a madeira do caixote, caindo inconsciente. Com a vitória, Kimura se deitou quase desmaiando. Os sinais de luta do lado de fora haviam cessado.

Akill abriu o portão do galpão e viu seu colega caído. Aparando-o em seus braços, Akill o puxou para apoiar-se numa das pilhas. Quase desacordado, Kimura agradeceu a ajuda, mas pediu para deixa-lo descansar antes de explicar o que acontecera lá dentro. Então, repentinamente, o portão se abriu mais uma vez. Dessa vez, um felino quase todo negro, exceto pela marca branca de relâmpago na testa, adentrou no local e viu os dois genins. Seu olhar se tornou furioso.

- O que vocês fazem aqui! Ninjas de Kiri! – Grita Raio-Prata.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akill

Membro | Kiri
Membro | Kiri
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 22
Número de Mensagens : 56

Registo Ninja
Nome: Arky
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 185
Total de Habilitações: 26,75

MensagemAssunto: Re: Missão de Rank D - Refeições sobre rodas... NOT!   Sab 25 Fev 2012 - 15:38

Citação :
Os genins que já estavam muito machucados e fracos, viam ali a cabeça por trás de todos os roubos,era um gato um relativamente grande e monstruoso. Se os ninjas conseguissem vencê-lo sua missão estaria completa, as pernas dos genins estremeciam com o olhar assassino do gato,que já estava à mostrar suas enormes garras para os ninjas.
-Se não fizermos nada, ele irá nos matar!

-Não temos muito a fazer a não ser lutar usando tudo o que ainda nos resta.

Dizia o genin já se levantando com certa dificuldade junto com seu companheiro. A pesar de ambos estarem completamente feridos e cansados, Akill ainda se encontrava em uma situação melhor do que seu amigo, que havia se machucado muito ainda na luta com a carroça em movimento e pelo gato cego por quem fora atingido. O genin então pega uma das Fuuma shuriken que estava cravada no chão e logo mais uma kunai em seu bolso, estava prestes à correr em direção ao gato preto ali presente. Kimura também pega uma shuriken em seu bolso.
Akill começa a correr em direção ao gatuno,quando este fala:
-Você acha que com isso irá me vencer?
Seu movimento era lento,mas ainda tinha forças para saltar e arremessar a Fuuma o gato, que por sua vez permanecia imóvel,por um instante veio à mente do ninjas que o felino iria ser atingido em cheio pela Fuuma shuriken,porém foi tudo por água abaixo quando o gato concentrou seu chakra em uma das garras rebatendo com facilidade a Fuuma que era lançada contra os pacotes de macarrão,perto dos barris de água que estavam um pouco mais atrás do gato. És então que o genin tem outra idéia,se eles pudessem usar a água dos barris contra o gato iriam ter uma enorme vantagem,mas como chegariam ali. Kimura sempre atento percebia o olhar fixo de Akill para os barris logo compreendendo o que seu parceiro queria fazer diz:

-É a nossa única chance é isso ou morrer! Eu te dou cobertura.
Kimura então tenta chamar a atenção do bichano,enquanto Akill ia lentamente em direção aos barris.
-Aqui seu bicho feio,vem,seu fedido!
O gato logicamente fica nervoso com os insultos e parte para cima de Kimura, no mesmo tempo em que Akill usava o que restava da sua força para correr até a sua única salvação, a água. O felino então erguia sua pata esquerda e a energizava a mesma com seu chakra prestes a dilacerar Kimura,que na tentativa de se defender do felino arremessava a shuriken de sua mão ao gato, que no mesmo instante soltava um grande sopro,retardando o movimento da shuriken. Akill já estava com a mão em um dos barris, quando vê que seu companheiro estava preste a ser morto. Não havia como jogar o barril no gato,a força que restava no genin só servia para fazê-lo ficar de pé e segurar o barril. O bichano sanguinário já estava a levar sua garra ao genin ali sentado que já via o cheiro da morte rondando sobre si,quando...
-Ei gatinho,já esta na hora de tomar um banho, não acha?.
O gato parava seu movimento em um estante ouvindo o barulho da água dentro do barril que Akill estava a balançar.
Se o gato atacasse Akill naquele momento, o mínimo que aconteceria seria molhar as patas,mas mesmo assim o bichano odiava até mesmo o barulho que a água fazia,o felino então vendo os ferimentos e a condição dos ninjas,sabia que eles não iriam durar muito,logo se põem a realizar selos.
-Droga,estamos perdidos.
Dizia Akill enquanto já sem forças se ajoelhava sob o chão largando o barril. O felino já cessava a realização dos selos,foi então que tudo mudou,de um armazém mal iluminado os dois ninjas já se localizavam em uma espécie de dojo,dezenas de gatos apareciam, se aproximando cada vez mais dos ninjas que já estavam à perder os sentido. Mesmo sendo um genjutsu, Genjutsu Kai (Libertação de Genjutsu)não possuia resultado nenhum. Tanto Akill quanto Kimura,não conseguiam mais se mexer,ficando a mercê da ilusão,tudo já estava acabado para eles,somente um milagre poderia salva-los. Tudo começa escurecer à medida que os gatos já começavam à mostrar as enormes garras para os genins,quando ao longe ouvem algo como um zumbido.
- Suiton: Teppōdama ( Bala de Água).
Em um flash o dojo desaparecia dando lugar novamente ao armazém,as dezenas de gatos davam lugar ao Arraia, completamente molhado,ao longe dava para ver o seu amigo Kai disparando mais uma bola de água em direção ao gato, que mesmo morrendo de frio tentava a corta o chunnin.
-Muito lento, bichano.
Concentrando uma grande quantidade de chakra em sua mão e saltava sob a garra ainda em movimento do felino e logo o desferia um soco na cabeça,fazendo-o desmaiar na hora. Após isso Kai ia ver como estava seus amigos,por sinal não estavam nada bem.
-Como nos achou?
Dizia tortuosamente o genin,não sentindo nem a própria língua direito.
- Vocês estavam demorando demais, então resolvi deixar o asilo e partir atrás de vocês, logo vi o camponês ainda inconsciente sobre a ribanceira, então segui as marcas das rodas da carroça sob a terra semi-úmida, logo vi os bichanos presos na árvore,foi então que percebi que a situação havia ficado feia então continuei a seguir a marcas que levavam até a trilha até este local...Mas agora isso não importa,descansem, já chamei reforços.
Mais ninjas então apareciam para prender os gatos e levar a comida de volta para o asilo, enquanto os ninjas médicos chegavam ao armazém onde ali mesmo faziam os primeiros socorros.
No finalzinho da tarde,os genins já estavam à sair do hospital de Kiri, bem melhores,com seus ferimentos já enfaixados, partem em direção ao gabinete do Mizukage juntamente com Kai relatar a missão.

FIM x]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Hana

Conselheiro | Konoha
Conselheiro | Konoha
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 22
Localização : In your mind ;)
Número de Mensagens : 3255

Registo Ninja
Nome: Hana Yamanaka
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 7945
Total de Habilitações: 362,5

MensagemAssunto: Re: Missão de Rank D - Refeições sobre rodas... NOT!   Seg 27 Fev 2012 - 21:54

Avaliação

Kimura Endo

Ninjutsu: 5,75 + 1 = 6,75
Taijutsu: 3,75
Kenjutsu: 4,75 + 1 = 5,75
Genjutsu: 1 + 0,25 = 1,25
Selos: 1 + 0,5 = 1,5
Trabalho de Equipa: 1 + 0,5 = 1,5

Força: 2,5 + 0,25 = 2,75
Agilidade: 4,75 + 0,5 = 5,25
Controlo de Chakra: 4,75 + 1 = 5,75
Raciocínio: 2 + 0,5 = 2,5
Constituição: 6,25 + 1 = 7,25

Total: 6,5/7

Total de Habilitações: 37,5 + 6,5 = 44

Akill

Ninjutsu: 5 + 1 = 6
Taijutsu: 1 + 0,5 = 1,5
Kenjutsu: 1 + 0,5 = 1,5
Genjutsu: 1 + 0,25 = 1,25
Selos: 3 + 0,5 = 3,5
Trabalho de Equipa: 1 + 0,5 = 1,5

Força: 2 + 0,25 = 2,25
Agilidade: 2 + 0,5 = 2,5
Controlo de Chakra: 4 + 1 = 5
Raciocínio: 2 + 0,25 = 2,25
Constituição: 2 + 0,75 = 2,75

Total: 6/7

Total de Habilitações: 24 + 6 = 30

Comentários

Primeiramente, Akill, para ler seus posts eu tinha que selecionar sempre, você colocar em quote dificulta muito a leitura, em um post tudo bem, mas como a missão foi bem extensa foi muito cansativo ler com aquela citação.

Agora um aviso aos dois... CALM DOWN, toda hora vocês estavam super feridos e depois lutavam como se nada tivesse acontecido, só na última parte que Kimura mostrou estar realmente ferido. Vocês tem habilitações baixas, mas agiram como se fossem altíssimas, principalmente no quesito constituição. Dessa vez eu avaliei mais generosamente, mas das próximas vezes a coerência com as habilitações será levada altamente em conta. Quando pensava que vocês desmaiariam de cansaço chega mais inimigos e vocês ownam, uma coisa sem fim...

De "ruim" só aviso isso, atenção aos valores de habilitações, tanto em missões quanto em treinos. Agora tenho que elogiar muito as descrições dos locais, foi muito bem feita, conseguia imaginar todo o cenário perfeitamente^^

Recompensas entregas na totalidade. Parabéns aos dois^^ (ufa, depois de muitas horas consegui terminar, hahaha)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ozzymandias

Membro | Nukenin
Membro | Nukenin
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 60
Localização : Unknown
Número de Mensagens : 4010

Registo Ninja
Nome: Hiroshi Daisuke
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 15190
Total de Habilitações: 1029

MensagemAssunto: Re: Missão de Rank D - Refeições sobre rodas... NOT!   Seg 27 Fev 2012 - 21:59

hehehe tem razão, nos empolgamos. obrigado pela força.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akill

Membro | Kiri
Membro | Kiri
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 22
Número de Mensagens : 56

Registo Ninja
Nome: Arky
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 185
Total de Habilitações: 26,75

MensagemAssunto: Re: Missão de Rank D - Refeições sobre rodas... NOT!   Seg 27 Fev 2012 - 22:59

Bom sobre os "quotes" é um vicio,mas vou tentar parar. Sobre a nossa "infinity life" acho que foi um pouco para concluir a história,mas irei controlar isso. Bom obrigado por tudo,agr é só postar as dezenas de fillers e treinos que eu fiz enquanto esperava e espera a kuyichiose T.T.
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Missão de Rank D - Refeições sobre rodas... NOT!
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
A tua mensagem foi automaticamente gravada. Poderás recuperá-la caso aconteça algum problema
Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto Portugal RPG :: Kirigakure :: Missões :: Missões Arquivadas-
'); }