Naruto Portugal RPG
Sê bem-vindo ao Naruto Portugal RPG! Para teres acesso completo ao conteúdo do fórum, deves fazer Login ou Registar-te.



E o ciclo da vida repete-se! As pacíficas vilas voltam a unir-se para combater um mal em comum. Vem conhecer o melhor e mais antigo role play de Naruto, totalmente em português.
 
InícioPortalCalendárioFAQBuscarRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 [Treino] O Resgate

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Ozzymandias

Membro | Nukenin
Membro | Nukenin
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 60
Localização : Unknown
Número de Mensagens : 4010

Registo Ninja
Nome: Hiroshi Daisuke
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 15190
Total de Habilitações: 1029

MensagemAssunto: [Treino] O Resgate   Qui 23 Mar 2017 - 0:37

O porão cheirava a mofo e a suor. Era um lugar que já tivera algum espaço, mas que agora estava abarrotado de velhas caixas de papelão que guardavam as quinquilharias dos donos da residência. Não havia janelas ou luz artificial. Apenas a escuridão cercava um homem que, de pé, tinha seus pulsos algemados à braceletes de aço ligados a correntes que se estendiam até os vergalhões que sustentavam o restante do imóvel. Com a cabeça coberta por um grosso saco de tecido escuro que o impedia de visualizar todo o lugar, Daisuke aguardava ansioso pela chegada do responsável pelo sequestro da filha de seu contratante. Kaori. Era uma menina de nove anos que tinha sumido misteriosamente da mansão da família e agora seus pais tinham contratado os serviços do nukenin para que pudesse achá-la. - O sujeito está lá no fundo. - Afirmou alguém momentos depois que o ranger da porta denunciou sua chegada. Daisuke sorriu discretamente enquanto ouvia passos descendo os degraus de madeira carcumida até adentrar no lugar.

- Então foi você que eles mandaram? - Disse a voz, num tom arrogante.
- Por favor... Só estava fazendo meu trabalho. - Fingiu suplicar.
- Nada disso. Brincarei contigo antes. - Aproximou-se.

A luz da lamparina que o estranho carregava começou a iluminar cada vez mais o recinto e, por sorte, o tecido vagabundo do capuz permitiu que o nukenin pudesse ver precariamente a vestimenta do sujeito. Ele não está armado. - Aliviou-se já que não seria obrigado a deixar seu papel de vítima. - Por favor! Não me machuque! - Fingiu agonia e pelas pequenas aberturas Daisuke pôde ver um sorriso malicioso surgir na boca do sequestrador. Nesse momento o bandido levantou a perna num forte chute diretamente no estômago do cativo. Kapow! E a dor invadiu o corpo do akatsuki que inclinou o corpo para frente, fingindo tossir com grande intensidade. O homem parecia se deliciar com a tortura, pois no momento em que o nuke levantou a cabeça em recuperação, o sujeito atirou o punho contra o lado direito de seu rosto. O hematoma surgiu instantaneamente, junto com um gemido de dor que não precisou de fingimento para sair. O sangue começou a gotejar de seu lábio e através do tecido ele se segurava para não matar o agressor.

- Onde está a menina! - Daisuke lançou a isca.
- Hahaha! E ainda se preocupa com a fedelha?! - Gargalhou o sequestrador.

Novamente o punho do captor atingiu a lateral do abdome do akatsuki que gemeu de dor ao sentir o impacto diretamente em seu rim direito. - Argh! - E mais uma vez o sádico parecia se divertir com a dor do outro, gargalhando como um louco enquanto Daisuke fingia tentar arrancar as correntes. - Não adianta! Ela está bem perto e só eu sei onde fica! - E o peixe engoliu a isca. Só faltava puxá-lo. O nuke sorriu por baixo do capuz, mas antes que pudesse se mover, o captor chutou a parte interna de seu joelho. O golpe foi forte e precisamente no nervo que controlava o movimento da perna. Esse homem tem experiência em tortura. É forte. Ele é um ninja. - Concluiu ao cair de joelhos com imensa dor no local da pancada. Daisuke agora sabia que sua investida seria dificultosa, já que se tratavam de nukenins ou até ninjas disfarçados. Então, para pegá-lo de surpresa, o grisalho organizou um plano. - Por favor! Eu digo tudo o que você quiser! Mas preciso de água! Água! - Ele suplicou em fingimento.

- Muito bem! Muito bem! Ótimo! - O homem comemorou e se virou, dirigindo-se a um barril coberto por água que coletava a água da chuva vinda do telhado. Perfeito. - E o plano tinha dado certo. Silenciosamente, Daisuke forçou seu ombro num ângulo nada natural e num doloroso e abafado ruído a junta que ligava o braço ao trapézio se deslocou. O machucado criou instantaneamente um grande hematoma no local, mas em compensação, aquilo deu-lhe alcance suficiente para "pinçar" o tapa-olho com dois dedos por cima do capuz, retirando-o da frente a fim de ativar seu sharingan. Merda! Como dói! - Reclamou a si mesmo enquanto retornava inocentemente à posição anterior à medida que o espancador retornava com uma pequena vasilha com água na mão esquerda. - Agora, fale-me para quem você trab... - Comentou ao remover o capuz e encarar o olho vermelho do nukenin. Nesse instante, o chakra foi manipulado e enviado para a cérebro do sequestrador que permaneceu paralisado contra sua vontade por causa do genjutsu: sharingan.

- Agora é sua vez de me responder algumas perguntas. - Brincou o prisioneiro.

Nesse momento Daisuke usou seus músculos a toda potência num puxão com toda força contra os elos da corrente. ktinn! ktinn! E o metal se rompeu, terminando por libertá-lo. Enquanto isso, o bandido permanecia de joelhos, tremendo e sem conseguir sequer conversar. - Agora vamos ver onde você escondeu a garota. - O nukenin sussurrou ao ouvido da vítima ao mesmo tempo em que enviava chakra mais uma vez ao cérebro do homem indefeso, forçando sua passagem até as suas memórias recentes. Daisuke não demorou muito e logo ficou horrorizado com o que viu: A garotinha tinha cerca de dez anos e tinha suas mãos e pés amarrados com firmeza. Com os olhos cheios de lágrimas, a garota foi depositada num caixão de madeira que se fechou, sendo enterrado em seguida. Isso acontecera há alguns minutos... Pelo tamanho do caixão e como ela está amarrada, a garota tem apenas poucos minutos de oxigênio. OMG! Agora Daisuke tinha que agir rapidamente para salvar a menininha. - Desgraçado. - Sussurrou ao aproximar sua boca no ouvido do bandido. Era hora da vingança.

Então, injetando chakra na tatuagem do pulso esquerdo, o akatsuki invocou uma linha shinobi e a arremessou com toda força contra o pescoço do alvo. A linha fez seu papel e se enrolou firmemente ao homem enquanto a outra ponta foi jogada por cima de uma das colunas verticais que sustentavam a construção. - Por... Favor... Não... - Suplicou o sequestrador que logo sentiu seu corpo ser puxado para cima numa espécie de forca improvisada. Usando sua força mais uma vez, o nukenin forçava seus braços para elevar o moribundo que se debateu por mais alguns segundos até que finalmente morreu enforcado. - Tenho que acabar com o resto da gangue o quanto antes. Mas terei que dividir minhas forças. - Raciocinou num sussurro. Então, após soltar a linha e deixar o cadáver caído no chão, o Hiroshi juntou as mãos num rápido selo e criou uma imagem sua que disparou em grande velocidade na direção da parede do porão quando usou chakra no mangekyo ativado para tornar-se intangível, atravessando o obstáculo com grande velocidade na direção de onde a garota havia sido enterrada.

Já o original, com ódio mortal dos captores, começou a subir os degraus lentamente. Um predador caminhando ao abate de sua presa. - Eles devem pagar o resgate em pouco tempo. - Dizia uma voz ao longe, seguida por algumas risadas maléficas. Daisuke via tudo através de uma estreita fresta deixada na porta do porão, ansioso para começar a "festa". Eram três homens que, sentados na mesa da cozinha, comemoravam com comidas e bebidas sob a luz amarelada de uma luminária presa ao teto. Seu sharingan rapidamente perscrutou o melhor caminho a seguir e só então o ninja resolveu agir. - Toc, toc! - E Daisuke invocou e arremessou um shuriken com toda força contra a única lâmpada que funcionava na luminária e após um breve estouro, a cozinha fora imersa num breu aterrador. Nesse momento, o akatsuki perfazia alguns selos e aglutinava chakra ilusório nu punho. Eles sofrerão com o Punho que Afeta a Mente. E o ninja saltou numa ágil pirueta até a mesa, elevando a perna com toda força no rosto do primeiro bandido. O impacto jogou o sujeito contra o armário da cozinha que desabou com o peso do homem.

- Mas o que é isso... Argh!! - Os gritos dos outros dois bandidos ecoaram pela escuridão, enquanto Daisuke conseguia ver seu chakra como fantasmas luminescentes. Os homens estavam de pé, assustados, jogando os braços em tentativas débeis para acertar o agressor no breu. Desgraçados! - E o furioso estrategista cerrou o punho com sua aura arroxeada e buscou o colarinho do segundo homem, puxando-o com toda força contra o punho da outra mão que já vibrava com o genjutsu de amplificação de dor. O estalo fez o sujeito gritar e se engasgar de dor até que desmaiou em desespero. Agora faltava apenas mais um. Apavorado, o homem começou a correr na direção da saída, atropelando duas cadeiras no caminho para então cair desajeitadamente no chão. - Você não vai escapar. - E o lutador da akatsuki invocou uma kunai, arremessando-a contra o calcanhar do alvo. A lâmina atravessou o membro, fincando-o contra o piso de madeira que existia no cômodo. - Argh! - O bandido gritou em dor.

Contudo, Daisuke não estava a fim de ser misericordioso, terminando por saltar por cima das cadeiras caídas, jogando-se numa forte joelhada nas costas do homem que teve a coluna fraturada na mesma hora. - Já acabou? Que pena. - Reclamou a cópia ao aparecer na  entrada da cozinha com a criança inconsciente no colo. Mesmo no escuro, o verdadeiro gemeu numa aprovação e logo os dois saltavam com agilidade através da janela da cozinha, ganhando a densa floresta após rápidos e precisos shunshins na direção do casarão onde um pai aflito esperava por notícias de sua filha. Mais uma missão cumprida com sucesso. A garota estava bem. O pagamento gordo seria suficiente para pagar suas despesas durante um bom tempo... Daisuke estava satisfeito.



FIM


Última edição por Ozzymandias em Qui 23 Mar 2017 - 0:40, editado 2 vez(es) (Razão : Sem razão especificada)
Voltar ao Topo Ir em baixo
GhosTTerroR

Administrador | Oto
Administrador | Oto
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 30
Localização : Porto / Coimbra
Número de Mensagens : 5899

Registo Ninja
Nome: Nara Artemiza
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 0
Total de Habilitações: 27,75

MensagemAssunto: Re: [Treino] O Resgate   Sex 24 Mar 2017 - 23:07

Ninjutsu: 99,5 + 0,25 : 99,75
Taijutsu: 112,5 + 0,5 : 113
Kenjutsu: 107,75 + 0,5 : 108,25
Genjutsu: 23,5 + 0,25 : 23,75
Selos: 64,25 + 0,25 : 64,5
Trabalho de Equipa: 6,5

Força: 119,25 + 0,5 : 119,75
Agilidade: 127,25 + 0,25 : 127,5
Controlo de Chakra: 165 + 0,75 : 165,75
Raciocínio: 56,75 + 0,75 : 57,5
Constituição: 118,25 + 1 : 119,25

1,75+3,25= 5 / 5

Notas:
- Eishhto é um texto e uma escrita que dá gosto de ler! Faz o "meu estilo"!
- um "defeito" ou algo a que não estou acostumado é ter falas de personagens diferentes no mesmo parágrafo, mas deu para entender.
- esse uso de sharingan é algo a que também não estou acostumado a ler, mas o treino foi todo muito bom e eu tive até que cortar pontos... xd

Custa a estragar, mas... 1000+5=1005 habs.!

Atualizarei a ficha nas próximas horas. > Edit: Feito!


Última edição por GhosTTerroR em Sex 24 Mar 2017 - 23:31, editado 1 vez(es) (Razão : Sem razão especificada)
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.myspace.com/ghostterror
 
[Treino] O Resgate
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
A tua mensagem foi automaticamente gravada. Poderás recuperá-la caso aconteça algum problema
Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto Portugal RPG :: Nukenins e Outras Vilas :: Treinos-
'); }