Naruto Portugal RPG
Sê bem-vindo ao Naruto Portugal RPG! Para teres acesso completo ao conteúdo do fórum, deves fazer Login ou Registar-te.



E o ciclo da vida repete-se! As pacíficas vilas voltam a unir-se para combater um mal em comum. Vem conhecer o melhor e mais antigo role play de Naruto, totalmente em português.
 
InícioPortalCalendárioFAQBuscarRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 [Evento Djinn] Missão Rank C - O Carregamento de Armas

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Dorou

Administrador | Kiri
Administrador | Kiri
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 21
Localização : Belem/ Pa - Brasil
Número de Mensagens : 2883

Registo Ninja
Nome: Azura Inugami
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 16915
Total de Habilitações: 349,5

MensagemAssunto: [Evento Djinn] Missão Rank C - O Carregamento de Armas   Sex 11 Out 2013 - 19:56

Descrição: Kiri foi atacada massivamente ontem, apesar de todas as investidas inimigas, a vila conseguiu resistir firme e forte durante estas vinte e quatro horas, porém a situação será mais difícil amanhã quando o sol nascer, pois aparentemente os adversários estão esperando reforços que virão pelo oeste. Uma Equipa especial já foi designada para interceptar estes reforços. Uma de nossas embarcações irá descarregar um depósito de armas no cais sul, a meio dia de viajem da vila. Sua missão será buscar a caravana que transporta as armas e trazê-la em segurança.
Aviso que houveram muitos ataques a caravanas ultimamente, então fiquem atentos a qualquer coisa fora do normal. A sobrevivência da vila depende de vocês!


Convocados:
Nunoke
Eve
Yamanaka Yumi 


Recompensa: 600 ryos + 1 scroll de novo jutsu + 1 ponto de cumprimento



Criem a vossa própria ordem de postagem.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Eve

Administrador | Kiri
Administrador | Kiri
avatar

Sexo : Feminino
Idade : 24
Localização : Hellcife
Número de Mensagens : 3285

Registo Ninja
Nome: Harima
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 3350
Total de Habilitações: 106,25

MensagemAssunto: Re: [Evento Djinn] Missão Rank C - O Carregamento de Armas   Dom 13 Out 2013 - 3:03

Estava eu a fazer um suco de laranja para o desjejum, quando o bater na porta principal fazia-se ouvir. Interrompi o que estava fazendo e fui atender, e era um chuunin com um comunicado do Okashii-sama convocando-me com alguma urgência ao seu gabinete. Suspirei fundo e terminei meu suco, bebendo-o avidamente enquanto ia ao meu quarto buscar minha katana e meu soprador de bolhas, os únicos objetos realmente úteis para mim. Saí em velocidade até o escritório do mizukage, e não tardou até minha chegada. Sua sala encontrava-se aberta e pude perceber que haviam mais duas pessoas com ele; ia esperar do lado de fora, mas ele mal viu-me e imediatamente ordenava-me a entrar.  Obedeci, e lá estavam dois ninjas: uma garota loira de olhos azuis, e um pequeno garoto de cabelos negros espetados e uma cicatriz perto da boca:

- Harima-chan, bom dia! - dizia o kage, com seu costumeiro bom humor. - Bem, precisamos de vocês para uma missão de última hora... Como devem saber, estamos sendo atacados desde ontem, e precisamos de um carregamento que está num cais ao sul de Kiri. Vocês devem escoltar esta caravana de lá até nossa vila. Não preciso relembrá-los dos cuidados que devem ter, certo? Isto é muito importante! - finalizava, com um tom mais sério.

Por mim, não havia problemas. Sendo eu uma gennin, achava ótimo ter algo o que fazer que não fosse algo trivial e patético, como achar gatinhos perdidos de senhoras da alta sociedade de Kiri. Mas era sério que eu ia acompanhada por duas criaturas que nunca vi na vida? Encarei o líder da Névoa, perguntando em silêncio se era aquilo mesmo. Ele pareceu entender minha angústia, e para meu azar, sua resposta também fora silenciosa: um enigmático sorriso. Suspirei fundo, um pouco irritada por essa postura do mizukage. Afinal, desde o acontecido à Miku-san ele tem estado comigo, e sabe muito bem como eu sou. Assenti com a cabeça, e ele deu-nos um mapa, ordenando-nos que fôssemos o mais rapidamente possível:

- Agora vão! Não esqueçam de apresentar-se entre si, estou muito ocupado para isto agora e vocês terão algum tempo! - dizia ele, com um sorriso trocista.

Saímos do gabinete dele, com um pesado silêncio a imperar. Eu já estava acostumada, e para falar a verdade até preferia que a viagem fosse toda assim, mas os outros pareciam um tanto incomodados. O garoto era o mais agitado, e por sua postura julguei que fosse o fato de ser o único homem no time; ele pigarreava insistentemente, e abria a boca várias vezes, como se quisesse falar algo. Finalmente sua hesitação teve fim, e alguns minutos após o atravessar dos portões principais da vila, sua voz quebrava aquela doce quietude:

- Bem, ainda não sabemos nada uns dos outros, então vou começar. Chamo-me Nunoke Washi, e sou daqui mesmo de Kirigakure. Sei alguns jutsus básicos da Academia, e meu alinhamento é Fuuton.

- Eu sou Yamanaka Yumi de Konoha, e meu foco é uma batalha mais distante. Sei utilizar ninjutsu médico, além de genjutsu e rastreamento.

- Sou Harima de Kiri, sei jutsus básicos da Academia. - respondi secamente, sem mencionar o baburu-kei. Não costumo dizer todas as minhas possibilidades a quem não conheço, imagina se eles são inimigos?

- Erhm... Não tens nenhuma outra habilidade além destas? - perguntava o tal do Nunoke, parecendo preocupado com minha inexperiência aparente.

- Manejo uma katana. - respondi uma vez mais, incomodada pelo fato dele estar subestimando-me. Crescia-me uma vontade de alimentar minha fidelíssima arma com o sangue daquele garoto, mas suspirei e corri mais rapidamente que os outros. Eles não tardaram a se aproximar de mim com seus respectivos shunshins. Mas que droga, eu precisava ainda aprender aquilo...

- Hey, não preocupa-te. Vai dar tudo certo nesta missão! - dizia ele. Encarei-o com ar de desdém, e voltei minha atenção à frente. E pensar que ainda faltavam horas para chegar ao cais...

Pareciam ter entendido que não gosto de conversar, então não tentaram mais aproximações. Pela primeira vez começava a simpatizar com eles, quando já adentrávamos uma floresta bastante úmida. Prontamente concentramos nossos chakra na sola dos pés para maior aderência aos galhos que saltitávamos. A garota loira não percebeu um galho meio podre mais à frente e pisou com força nele, partindo-o e caindo de uma árvore de altura considerável. O garoto dava meia volta e segurava suas mãos depois de estabilizar-se no tronco do mesmo vegetal, e não sei como havia aguentado aquele grito ensurdecedor. Garotas mimadas que queriam brincar de kunoichi, a sério que eu tinha de aguentar uma dessas?

- Hey, Harima-san, que estás a fazer aí parada? Ajuda-me! - dizia, tentando aguentar o peso da garota.

- Se ela é kunoichi, não deve depender dos outros para algo tão trivial quanto isto. - respondi, virando o rosto. - Se és assim, devias de arrumar outra profissão, ser ninja não deixar-te-á com esse belo penteado e essas roupas arrumadas para sempre. Baka.

- Quem pensas que és, eu apenas descuidei-me! - respondia ela, aparentemente enfurecida com minhas palavras. Ela já havia estabilizado-se e pousava num outro galho, bem diante de mim. - Minha determinação em ser ninja não está no fato de como visto-me, é claro que sei o que é ser shinobi! - ela gritava, vermelha.

- Acalme-se Yumi-san! - o garoto vinha ao nosso encontro. - Por favor, Harima-san, não diga estas coisas!

Eu apenas encarava-a calada, e isso parecia transtornar-lhe ainda mais. Ela continuava falando coisas que eu não recordo-me, pois apenas ignorava-a e decidi seguir meu caminho. Tinha coisas muito mais importantes para fazer e perder caso a missão fracassasse, e não era uma patricinha bancando a ninja que faria isto ocorrer. Suspirei e voltei a correr por entre as árvores, deixando a minha equipa. Se eles quisessem realizar a missão, que fossem comigo. Caso não, voltassem para casa.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Yamanaka Yumi

Membro | Konoha
Membro | Konoha
avatar

Sexo : Feminino
Idade : 24
Número de Mensagens : 68

Registo Ninja
Nome: Uchiha Kai
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 000
Total de Habilitações: 24

MensagemAssunto: Re: [Evento Djinn] Missão Rank C - O Carregamento de Armas   Qui 17 Out 2013 - 2:53

Vou postar esperei o menino até agora. Edito ja
Voltar ao Topo Ir em baixo
Eve

Administrador | Kiri
Administrador | Kiri
avatar

Sexo : Feminino
Idade : 24
Localização : Hellcife
Número de Mensagens : 3285

Registo Ninja
Nome: Harima
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 3350
Total de Habilitações: 106,25

MensagemAssunto: Re: [Evento Djinn] Missão Rank C - O Carregamento de Armas   Seg 28 Out 2013 - 15:38

Spoiler:
 


Continuei seguindo, e não tardava muito a eles alcançarem-me. A garota ainda parecia irritada e permanecia em silêncio, enquanto o menino estava visivelmente confuso com aquela situação. Eu não importava-me nem um pouco se eles gostavam ou não de minha pessoa, mas tínhamos que cumprir com o que Okashii-sama havia ordenado-nos; pelo menos agora estava em paz, sem uma voz humana pronunciar-se por horas. Pelas minhas contas, já estávamos perto de nosso destino: um dos cais ao sul da Vila - na verdade o  maior e mais conhecido, mas não único. Já havia ido lá algumas vezes, e notei que algo estava errado, pois pelo tempo que havíamos gasto, já deveríamos estar no cais.

Continuamos o caminho, e o mais discretamente possível fui realizando marcações depois de pedir emprestado ao meu companheiro de vila uma kunai. Não muito depois, percebi que os locais marcados por mim voltaram a aparecer, indicando que estávamos a andar em círculos. Prontamente parei, reuni meus companheiros e comuniquei-lhes o ocorrido; eles logo compreenderam a situação, e assim sendo, nós três paramos nossos fluxos de chakra, libertando-o de uma vez com o devido selo. Após isso, assumimos posições ofensivas; a konohanin munia-se com uma kunai de três pontas, o garoto com uma kunai normal e eu desembainhava minha katana. As folhas das árvores balançaram brevemente, e logo um barulho de coisas pequeninas a cortar o ar em nossa direção fazia-se ouvir: sem perda de tempo, manejávamos nossas respectivas armas e rebatíamos um bom número de shurikens.

Uma risada e palmas eram ouvidas mais ao longe. Cinco figuras surgiram em alguns segundos bem à nossa frente, com sorrisos maquiavélicos estampados nos rostos. Uma garota e quatro garotos, não muito mais velhos que nós três encaravam-nos com curiosidade e alguma ânsia por uma luta. Provavelmente estavam confiantes com a ligeira vantagem numérica - que também intimidava-nos. Eles riam-se de nossa postura e aproximavam-se com uma naturalidade forçada, de alguma forma senti que eles estavam cautelosos quanto a nós. Nunoke agilmente sacava umas senbons e lançava-as na direção de um loiro, que desviava-se majestosamente com shunshin para o lado:

- Haha, achas mesmo que podes machucar-me com um ataque tão fútil quanto este? - debochava ele.

Nunoke permanecia calado, mas do jeito que estava, percebi que ele ia fazer algo. A Yamanaka rapidamente olhou-me e fez um sinal para que ficasse perto dela, enquanto o garoto após concentrar chakra, criava uma explosão de vento como elemento surpresa frente aquele grupo, desaparecendo com um shunshin logo em seguida. A loira já esperava por tal, e havia concentrado uma dose de seu chakra suiton para misturá-lo à umidade da floresta, criando um nevoeiro suficiente para encobrir-nos. Senti uma mão a puxar-me o pulso, julguei que fosse algum de meus companheiros e deixei-me ir; o nevoeiro começou a dissipar-se, e logo percebi o quão estava enganada:

- Mas que raios! - exclamei furiosa, largando-me daquele desconhecido. Ele encarou-me, percebendo que não era de seu círculo de companheiros; mas para meu azar, ele não era o único.

- Ora, mas que sorte, Kubo-kun. Acabaste apanhando um dos patinhos sem querer, pela primeira vez fizeste algo decente! - um ruivo dizia, a bater palmas e exibir um maléfico sorriso.

Continuei calada, embora eles estivessem me irritando profundamente. Saquei minha katana e tentei golpeá-lo, mas ele tinha uma agilidade invejável. Um chute nas minhas costelas pegou-me desprevenida, havia sido o loiro que tinha arrastado-me; o ruivo pareceu não gostar da situação, e enquanto discuti com seu companheiro, eu conseguia recuperar-me do golpe levado e manejar minha arma novamente. A lâmina cortou a camisa do garoto à altura do ombro, arrancando além do tecido um fio de sangue. O ruivo voltou-se furioso, e rapidamente aproximando-se de mim, tentou golpear-me com murros; defendi-me como podia, mas além de mais veloz, ele também era visivelmente mais forte que eu:

- Tsc, olha o que obrigaste-me a fazer, garota! - exclamava ele, após ter-me golpeado na cara, derrubando-me e deixando minha bochecha queimar. Realmente não sei como não perdi um dente com aquilo, por dois segundos fiquei seriamente tonta. - És tão bonita, mas tão irritante... Melhor mesmo é eliminar-te logo, e com tua própria arma! - Seu olhar era sanguinário, iguais aos meus quando olhava-me no espelho.

Não tinha muito o que pensar: enquanto ele buscava minha katana caída mais ao longe, eu retirava meu soprador de bolhas debaixo de minha túnica. Concentrando chakra, soprei pequeninas bolhas em sua direção, fazendo-as cercá-lo. O desavisado foi espantá-las, fazendo-as rebentar perto de seus olhos, jogando nestes um pó vermelho urticante. Ele debatia-se com o ardor, mas eu ainda tinha que preocupar-me com o loiro - que vendo o estado de seu companheiro, partia para cima de mim, visando desferir um murro. Agachei-me e estiquei uma perna para desequilibrá-lo, mas ele era bem esperto; pulou evitando minha investida, aproveitando sua posterior queda para imobilizar-me no chão. Tentei rolar para o lado, mas ele interceptou meus movimentos ao agarrar meus pulsos e sentar sobre meu abdômen, dificultando minha fuga e respiração. Eu só tinha uma saída, assim sendo simulei que era fraca e estava desfalecendo; ele aproximou seu rosto do meu, e como já havia concentrado chakra em meus olhos, lancei-os diretamente nos seus. Ele paralisou, assustado com o possível genjutsu que lancei-lhe, mas ficou tranquilo segundo depois. Para em seguida começar a gritar de medo e horror, e eu conseguir desvencilhar-me da armadilha dele.

Andei calmamente até minha katana, ficando bem perto agora do ruivo - cujos efeitos do meu último jutsu estavam quase que estabilizados. Ele tinha uma fúria indescritível em seus olhos, era notável sua sede de sangue - no caso, o meu em especial. Não podia entrar em combate direto com ele, afinal ele era mais ágil e forte que eu - e também não era nem um pouco bobo, afinal chutou minha katana para longe. Eu estava numa bela desvantagem agora que ele sabia um pouco do meu estilo de combate, mas ainda assim eu precisava completar minha missão:

- Então esta foi a equipa que o Okashii mandou para deter-nos? Tem é piada - zombava.

- Tem mesmo piada, o teu amigo caiu num genjutsu e tu estás com os olhos irritados por conta do Baburu Genwaku. - eu disse, antes dele utilizar um shunshin e dar-me uma bela palmada no estômago. Ia caindo para trás com o impacto, mas ele agilmente colocava-se atrás de mim e pontapeava minha coluna, lançando-me dolorosamente de encontro a uma árvore.

Conseguia ouvir sua risada. Senti a maldade emanar dela. Senti algo gosmento escorrer-me pelo rosto, deduzi que era meu sangue, por conta da recente pancada. Minha cabeça girava, minha consciência esvaía-se. O ruivo permaneceu um tempo parado, vindo em minha direção logo em seguida. "Vou mesmo morrer aqui, dessa forma vergonhosa?", pensava. Esperei um golpe final, que não aconteceu. O que veio foi uma pessoa que há pouco era meu inimigo, ver como eu estava. Percebi o Nunoke aproximar-se e dizer algo como "Agora, Yumi-san!", e o olhar do ruivo voltou a possuir maldade. Mal isto acontecia, meu companheiro de vila libertava um fluxo de chakra e vento, causando leves danos no ruivo.  A loira aparecia mais além numa cortina de pétalas, lançando-lhe o mesmo genjutsu em que o outro estava preso. Ouvi-a aproximar-se de mim a dizer que estava tudo bem, e vi emanar de suas mãos um brilho de chakra, que encostando-se em meus ferimentos não sei dizer exatamente o que houve, pois havia finalmente perdido meus sentidos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dorou

Administrador | Kiri
Administrador | Kiri
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 21
Localização : Belem/ Pa - Brasil
Número de Mensagens : 2883

Registo Ninja
Nome: Azura Inugami
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 16915
Total de Habilitações: 349,5

MensagemAssunto: Re: [Evento Djinn] Missão Rank C - O Carregamento de Armas   Qua 8 Jan 2014 - 20:02

Missão Falha
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
[Evento Djinn] Missão Rank C - O Carregamento de Armas
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
A tua mensagem foi automaticamente gravada. Poderás recuperá-la caso aconteça algum problema
Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto Portugal RPG :: Kirigakure :: Missões :: Missões Arquivadas-
'); }