Naruto Portugal RPG
Sê bem-vindo ao Naruto Portugal RPG! Para teres acesso completo ao conteúdo do fórum, deves fazer Login ou Registar-te.



E o ciclo da vida repete-se! As pacíficas vilas voltam a unir-se para combater um mal em comum. Vem conhecer o melhor e mais antigo role play de Naruto, totalmente em português.
 
InícioPortalCalendárioFAQBuscarRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 [Missão Rank C] Afugentar arruaceiros

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Eve

Administrador | Kiri
Administrador | Kiri
avatar

Sexo : Feminino
Idade : 25
Localização : Hellcife
Número de Mensagens : 3285

Registo Ninja
Nome: Harima
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 3350
Total de Habilitações: 106,25

MensagemAssunto: [Missão Rank C] Afugentar arruaceiros   Qua 17 Out 2012 - 2:25

Rank da missão: C
Titulo da missão: Afugentar arruaceiros
Descrição: Uma gangue está a incomodar as pessoas de uma vila próxima de Kumogakure, as pessoas da vila pediram nossa ajuda para afugentar esses arruaceiros. Não são pessoas muito habilidosas, mas parecem que todos freqüentaram a academia ninja, portanto devem ter algum conhecimento de Jutsus. O objetivo de vocês é irem lá e da um fim nessa gangue.
Recompensa: 600 Ryos + 1 scroll + 1 ponto de cumprimento
Número de Ninjas: 2/4 ninjas
Pessoas Inscritas:

  • Hiroshi Katsuo (Haetae)
  • Yuki no Hana (Shim)

Voltar ao Topo Ir em baixo
Bruno Moraes

Administrador | Iwa
Administrador | Iwa
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 29
Localização : Em algum lugar de lugar nenhum
Número de Mensagens : 3387

Registo Ninja
Nome: Kyo Kusanagi
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 14350
Total de Habilitações: 733,75

MensagemAssunto: Re: [Missão Rank C] Afugentar arruaceiros   Qui 4 Abr 2013 - 2:09

Citação :
Exclamation Missão Limpa e aberta para novas Inscrições Exclamation
Voltar ao Topo Ir em baixo
Haetae

Conselheiro | Outras Vilas
Conselheiro | Outras Vilas
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 19
Localização : Terra
Número de Mensagens : 990

Registo Ninja
Nome: Hayato Isao
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 1000
Total de Habilitações: 34

MensagemAssunto: Re: [Missão Rank C] Afugentar arruaceiros   Dom 23 Jun 2013 - 21:41

Comprometo-me a acabar com estes arruaceiros.
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.google.com
Bruno Moraes

Administrador | Iwa
Administrador | Iwa
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 29
Localização : Em algum lugar de lugar nenhum
Número de Mensagens : 3387

Registo Ninja
Nome: Kyo Kusanagi
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 14350
Total de Habilitações: 733,75

MensagemAssunto: Re: [Missão Rank C] Afugentar arruaceiros   Dom 23 Jun 2013 - 22:01

Espere um pouco para ver se mais alguém vai com você
Voltar ao Topo Ir em baixo
Shim

Membro | Konoha
Membro | Konoha


Sexo : Masculino
Idade : 24
Número de Mensagens : 54

Registo Ninja
Nome: Hikari Hyuuga
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 0
Total de Habilitações: 24

MensagemAssunto: Re: [Missão Rank C] Afugentar arruaceiros   Seg 24 Jun 2013 - 5:13

Posso participar ?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ozzymandias

Membro | Nukenin
Membro | Nukenin
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 60
Localização : Unknown
Número de Mensagens : 4010

Registo Ninja
Nome: Hiroshi Daisuke
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 15190
Total de Habilitações: 1029

MensagemAssunto: Re: [Missão Rank C] Afugentar arruaceiros   Seg 24 Jun 2013 - 12:02

Inscrito... Se caso ninguém aparecer para acompanhá-los em 24 horas, podem solicitar o início da missão.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Haetae

Conselheiro | Outras Vilas
Conselheiro | Outras Vilas
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 19
Localização : Terra
Número de Mensagens : 990

Registo Ninja
Nome: Hayato Isao
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 1000
Total de Habilitações: 34

MensagemAssunto: Re: [Missão Rank C] Afugentar arruaceiros   Qui 27 Jun 2013 - 0:24

Requisitando o início da missão!
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.google.com
Bruno Moraes

Administrador | Iwa
Administrador | Iwa
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 29
Localização : Em algum lugar de lugar nenhum
Número de Mensagens : 3387

Registo Ninja
Nome: Kyo Kusanagi
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 14350
Total de Habilitações: 733,75

MensagemAssunto: Re: [Missão Rank C] Afugentar arruaceiros   Qui 27 Jun 2013 - 23:02

Podem começar, vai você primeiro Haetae
Voltar ao Topo Ir em baixo
Haetae

Conselheiro | Outras Vilas
Conselheiro | Outras Vilas
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 19
Localização : Terra
Número de Mensagens : 990

Registo Ninja
Nome: Hayato Isao
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 1000
Total de Habilitações: 34

MensagemAssunto: Re: [Missão Rank C] Afugentar arruaceiros   Sab 29 Jun 2013 - 20:57

♠ ♠ ♠

Afugentar arruaceiros

♠ ♠ ♠

Missão #2 Hiroshi Katsuo e Yuki no Hana

♠ ♠ ♠


O jovem gënin de Kumo caminhava pelas ruas da aldeia escondidas entre as nuvens e as montanhas também. A cidade estava com pouco movimento naquele dia mais a burguesia não parava nunca e continuava com seus anúncios.

— Tenho outra missão, finalmente, espero que seja algo melhor que catar lixo.

Já estava no edifício central onde se concentrava o escritório do Raikage-sama, entrou abrindo a porta e subindo as escadas do prédio esculpido dentro de um montanha, a mais alta montanha da região. A subida foi cansativa porém serviu como um pequeno aquecimento para a missão que receberia. Parou na entrada do gabinete de Darui e deu duas leves batidas com as costas da mão e girou a maçaneta entrando, despreocupado e contemplando o recinto. Achou bonito. Na mesa estava Darui sentado com um papel na mão e de frente para ele uma garota, uma bela garota.

— Gome pela demora._Declarou inocentemente, o homem o fitou com uma careta de desconfiado e voltou a olhar para a garota e depois para o papel, respectivamente. A garota se virou. Era alta mais alta que o loiro, tinha lindos cabelos castanhos lindos que iam até o ombro e olhos laranjas, tinha um corpo bonito que era um pouco ofuscado pela falta de decote.

" Omoshiroi... "

Pensou o gënin esforçando-se para não corar diante do olhar calmo que parecia percorrer todo o seu corpo analisando-o, julgando-o por dentro o definindo como algo bom ou ruim. Um silêncio se formou, nenhum dos dois jovens tomou a iniciativa de se apresentarem. — Meu nome é Hiroshi Katsuo, sou o gënin que irá acompanhá-la nessa missão. É um prazer conhecê-la._ Estendeu a mão amigavelmente fazendo um esforço tremendo para não cometer uma gafe, a garota se curvou de leve em um reverência cordial, talvez de timidez isso o garoto não compreendeu porém retribuiu com um sorriso largo. — Yuki, de Kusagakure._Retrucou fechadamente com um olhar que se misturava com timidez e calmaria.

— Muito bom, já que se conheceram vamos ao que é importante. Uma vila não ninja próxima da nossa está a pedir reforço contra uma gangue de arruaceiros que está a atormentar os moradores da vila. Eles vem pregando qualquer tipo de brincadeira inconveniente nos moradores, que está já a se magoar com isto. O seu último ataque foi a um casal que estava junto em um praça de noite e eles roubaram-os e os feriram. A missão de vocês é ir até lá e acabar com eles, se possível prendê-los._Exclamou Darui o Raikage, girando a cadeira e olhando para a vidraça transparente que dava uma vista linda para as montanhas que invadiam as nuvens cortando-as majestosamente.

— Hai!_Responderam ao mesmo tempo reverenciando o homem. Se curvou apoiando o joelho no chão e levantando-se em educação ao seu superior hierárquico. Ajeitou a katana em suas costas e virou-se para a garota, com toda educação que podia convidou-a a partir para a vila para iniciar a missão.

— M-Melhor partirmos logo para não chegarmos de noite._Disse a garota.

— Concordo!_Respondeu pegando o relatório da missão e indo até a porta. Abriu-a dando passagem livre para a garota indo logo em seguida, começou a descer as escadas para sair do edifício.

A garota liderou a caminhada até o portão da aldeia, parecia conhecer bem a região embora não morasse aqui. A medida que os dois avançavam penetravam na região mercantil onde os comerciantes convidava-os a experimentar cada produto estranho e revolucionário até a comidas que prometiam ser algo tão bom quanto a comida feita pelo melhor restaurante de Kumo. Não deu bola o loiro, porém a jovem olhava ao redor analisando o local a todo momento com um olhar maravilhado.Impressionada com a diferença de comportamento, aparência e "cultura" das duas vilas. Coletava informações a todo momento mesmo parecendo tímida e fechada para o pequeno samurai-ninja que a acompanhava a dois passos atrás deixando-a fazer seu tour pela vila para fazer com que a missão seja uma experiência agradável entre duas vilas tão distintas.

Dentre de pouco mais de 45 minutos chegaram ao grande portão norte da vila.Um chünin desceu da muralha e abriu uma pequena porta acoplada ao portão na parte direita que era usada para sair mais discretamente, sem ter de fazer um esforço tremendo para abrir o grande portão que era composto por duas imensas portas de madeira com parafusos e juntas de metais acopladas a muralha da aldeia.


Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.google.com
Shim

Membro | Konoha
Membro | Konoha


Sexo : Masculino
Idade : 24
Número de Mensagens : 54

Registo Ninja
Nome: Hikari Hyuuga
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 0
Total de Habilitações: 24

MensagemAssunto: Re: [Missão Rank C] Afugentar arruaceiros   Ter 2 Jul 2013 - 8:07

Citação :
Dentre de pouco mais de 45 minutos chegaram ao grande portão norte da vila.Um chünin desceu da muralha e abriu uma pequena porta acoplada ao portão na parte direita que era usada para sair mais discretamente, sem ter de fazer um esforço tremendo para abrir o grande portão que era composto por duas imensas portas de madeira com parafusos e juntas de metais acopladas a muralha da aldeia.

- Parte 2 –

Agora os dois gennin’s estavam fora da vila de Kumo e prontos para da inicio realmente a missão. Yuki estava muito fascinada pela cultura e a grande movimentação daquela vila, que pelo contraria da sua pequena e humilde de vila que não era muito popular. Devido não ser uma vila grande não tem muito suporte para investir em seus ninjas, por isso muitos são mandados a outra vilas para fazer missão e trazer nome a sua vila. “Estou sendo usada pela minha própria vila, mesmo que isso pareça errado não posso falhar nessa missão eu prometi a minha mãe que ajudaria a proteger a vila, mesmo que...... me transforme em uma marionete de Kusa.” A jovem pensativa como sempre refletia enquanto caminhavam até a tal vila que estava solicitando a missão. – Não posso falar nessa missão Hiroshi. Hana falava num tom serio quando o menino a sua frente soltava um riso de canto de rosto, como se ele fosse um problema para ela. Mexendo na sua espada sinalizando que ele estava atento a todos os movimentos dela. – Cuidado para não ficar em meu caminho não posso me responsabilizar se minha Katana for mais rápida que você. Os dois continuavam a correr cada vez mais rápido, de árvore a árvore para chegar antes do anoitecer no destino falado.
- Estamos próximos Hiroshi, vamos ficar mais atentos não sabemos quem são eles. O jovem loiro diminuía sua velocidade igualando a da jovem gennin. Até chegarem num portão de madeira alto com um símbolo escrito força bem grande nele. – Olá! Algum representante, que posso vir abrir a porta para nós.  Katsou batia com a bainha de sua espada no portão chamando atenção de quem estivesse do outro lado. Não demorou muito e logo uma pequena porta abria num canto mais estreito chamando nossa atenção. – Meu nome é Hidama sou a anciã da vila, fui eu que pedi ajuda de Kuma e não dessa vila estranha. Yuki reverenciava a anciã com respeito de sua vila. – Sou uma ninja de Kusagure no Sato, fui chamada pela própria vila de Kumo para auxiliar nessa missão Meu nome é Yuki no Hana. Ela mostrava o pergaminho que o Raikage tinha lhe dado para ser entregue aos superiores da vila contratante, como forma de reconhecimento.

Os dois entraram acompanhando a senhora que falava muitas coisas da vila, sobre desde sua criação até os dias atuais. Os gennin’s não estavam dando muita importância, mas fingiam ter escutado para ter tempo de fiscalizar meio por cima os moradores; tentando identificar algum suspeito. -  Vocês vão dormi aqui. Só tem um quarto espero que não fique brava nossa estadia não está as melhores, devido esses arruaceiros nossos ponto turístico está ficando fraco. Yuki apenas sorria e agradecia a gentil senhora.  Assim que ela saiu Hiroshi tirou sua Katana das costas e seu sapato. – Você percebeu não foi essa vila está sofrendo por essas pessoas. Devemos fazer o impossível para ajuda-los. Dizia Yuki tirando sua sapatilha sentando em uma das camas. – Eu sei não precisa ficar falando tudo; não sou cego muito menos burro. O jovem gennin de Kumo tinha um temperamento muito frio e não via Yuki como sua companheira ainda. Os dois trocaram de roupa, tomaram banho e tiraram suas veste gennin para se misturar com o povo na cidade. A noite estava muito refrescante e cheia de estrela, parecia o céu te Kusa para Yuki. Quando estava na sacada olhando o céu percebeu que Hiroshi estava observando. – O que está acontecendo? Por acaso estou muito feia.  O jovem mudava seu olhar para rua sem saber muito que falar. – N.não é isso é que você está diferente com o cabelo solto. Yuki passa a mão em seus cabelos que agora tinham uma aparência bem maior que antes, e o Kimono que ela usava lembrava muito uma gueixa.  – Muito obrigada. É a primeira vez que visto um Kimono assim. Os dois ficaram se olhando por alguns minutos até que uma explosão de fogos de artifício tirou atenção deles. – Vamos está na hora. Precisamos cobrir esse perímetro logo, antes que esses arruaceiros comecem a sua festinha. Dizia o menino num tom forte e determinado. Yuki apenas respondia com a cabeça e desaparecia em pétalas de sakura.

Já era noite e a festa que trazia o sustento da vila já havia começado desde fim da tarde. Tinha barracas de bebida, comida, roupas e jogos de azar era realmente um festival só que todo dia. Isso era tudo novo para ela, logo em sua primeira missão ir para fora de sua vila. Era uma situação muito nova e cheia de adrenalina, mesmo para uma jovem quieta e calma como ela.  No decorrer da noite as pessoas iam embora e apenas ficavam os adultos solteiros que queriam diversão extra.  Yuki não estava encontrando Katsou em nenhum lugar até que algo chamou sua atenção; era um grupinho de três moços que estavam perto de um beco.  A jovem tentava localizar seu parceiro, mas por falta de sorte ele não estava ali. “Preciso agir por minha conta nesse momento”. Andando calmamente pela rua ela apenas observa aquele grupinho até que eles entraram no beco, sem pensar duas vezes ela seguiu entrando naquele lugar escuro e frio. Podia dizer que tinha um mau cheiro também e ratos talvez. Yuki mesmo assim continuou a caminhar toda tímida e frágil e quando estava saindo do beco uma voz sai de trás. – O que uma linda jovem faz essa hora num beco sujo e escuro como esse? Assim que ele termina ela para e se vira para ver o rosto dele, mas a sobra do beco prejudicava sua visão. – Me desculpe já estou de saída, me perdido do meu irmão e agora vou para casa. Hana percebe outros chegando a sua volta puxando seu braço tentando tirar seu Kimono da parte de cima. – Não se preocupe vamos cuidar de você. Eles puxavam a jovem jogando ela de um lado para outro. – Parem, por favor! Estão me machucando. Yuki bate na cara de um dos jovens que a joga no chão com seu Kimono rasgado no peito, ela tenta esconder seu rosto e seu peito. Mas eles tentando com tudo para cima dela para tocá-la quando eles vão tocar começam a sentir uma coisa pegajosa preta em suas mãos e logo em seguida varias Yuki começa sair do solo indo na direção dos jovens segurando um selo explosivo na mão.

*Kasumi Jūsha no Jutsu*

Eles ficam desesperados sem saber o que se tratava isso. – Ela estava fazendo isso Gemso, precisamos acabar com ela ou vamos leva até o chefe. Um dos jovens falava isso para o jovem que tinha falando primeiro com Yuki. Ela percebeu que ele sabia de muito mais do que ela esperava.  Ainda no chão controlando os clones de óleo a jovem concentrava chakra na mão onde segurava cinco Kibaku Fuda. – Genso! Ela jogava os cinco papeis que se transformava em milhares aos olhos daquele jovem confuso com tudo aquilo.

*Gansaku Ken*

– Olhe a sua volta você está cercado de explosivos se você tenta se mexer ou pular um dos meus clones vai sair do seu braço colocar um Kibaku em você....e o resto você já sabe. Yuki se levantava olhando para o jovem rindo, mas não um sorriso normal mais sim meio psicótico. – Idiotas matem ela assim poderei escapar, ela usa Genjutsu podemos vencer.  Os três agora concentrados e calmos começaram a correr na direção de Yuki segurando uma Kunai cada um. – Vamos mata-la sua maldita. De repente um choque de Kunais com espada surgia mandando os três de volta de onde estavam correndo caindo no chão. – Kumo-Ryu Omotegiri!! Uma nuvem surgia um pouco mais a frente de Yuki girando sua espada ainda na bainha. – Vão embora seus vagabundos ou se não irei corta-los de verdade.  Katsou ameaça a tirar a espada e os jovens pulam para o telhado com facilidade e fogem correndo.  – Você me deve uma Yuki, salvei a sua pele. Ele olhava para a menina com o Kimono rasgado segurando com uma mão para não mostrar o peito. O menino com vergonha ficou nervoso com a situação. – O que ele fez com você! Eu vou mata-lo agora. O jovem loiro tira sua bainha para usar mais uma de suas técnicas quando Yuki grita. – Não Hiroshi! Enquanto você ficava se mostrando eu usei minha técnica o deixei meio desnorteado, ele acha que viu o próprio inferno. 


*Magen: Narakumi no Jutsu*

A jovem amarrava o arruaceiro com ajuda de Hiroshi e o deixava no chão e pegava seus Kibaku no chão. –Por que você não deixou bater nele, quando meninas você acha que ele fizeram isso? Nervoso ele dava um chute em Gemso, que começava acordar. – Por que ele será nossa passagem para chegar até o Chefe deles, pelo o jeito deles deve ser um jovem também. Ela sentava numa caixa de madeira que havia no beco e olhava para Hiroshi. – Eu deixo você interroga-lo e tirar todas as informações que precisamos.
Hiroshi agachava até Gemso que abria o olho ainda meio lerdo. – Vamos começar com um fácil. Você vai responder tudo que eu pedir ou vamos nos livrar de você.  Ok ?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Haetae

Conselheiro | Outras Vilas
Conselheiro | Outras Vilas
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 19
Localização : Terra
Número de Mensagens : 990

Registo Ninja
Nome: Hayato Isao
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 1000
Total de Habilitações: 34

MensagemAssunto: Re: [Missão Rank C] Afugentar arruaceiros   Qui 4 Jul 2013 - 20:47

♠ ♠ ♠

Parte 3

♠ ♠ ♠

Missão #2 Hiroshi Katsuo e Yuki no Hana

♠ ♠ ♠

Os três estava em um beco escuro em meio a alguns armazéns e edificações civis que projetava uma enorme sombra sobre eles devido a luz dos fogos e da Lua, dando um clima perfeito para um interrogatório e quem sabe tortura. Katsuo presenciou o que o prisioneiro e seus companheiros de arruaça tentaram fazer contra a garota de Kusa oque o irritou e ao mesmo tempo o envergonhou rapidamente. O loiro não passava tempo com garotas e nunca tivera nenhum contato com elas, sempre estava treinando ou praticando alguma disciplina inútil que seu guardião o ordenava.

— Yuki, vá para o apartamento se trocar, não podes andar por ai desse jeito pode atrair pervertidos, por favor. Volte logo._O garoto fez um pedido simples, que, ocultava algo que ele queria fazer contra o cativo que não seria bom a garota observar. Yuki semi cerrou os olhos em desconfiança analisando a expressão do loiro, que era pouco visível, depois levantou-se do caixote e desapareceu em um shunshin.

Katsuo sorriu em escárnio e logo retirou a katana de sua bainha flexionando as pernas e olhando olho no olho do cativo que mantinha uma expressão de descontentamento e assustada ao mesmo tempo, o kumonin sorriu novamente e então, posicionou a katana sobre a coxa direita dele. — Seria ruim se ela estivesse aqui e visse eu fazer isto. Me conte oque sabe ou se não, eu te retalho, fui claro?_O cativo acenou positivamente com a cabeça com medo da lâmina pousada em sua carne.

" Se eu torturá-lo vai aumentar a eficácia de conseguir alguma informação dele."

— Qual é a de vocês?_Disse calmamente.

— Não, não sei a gente só obedece eu não sei quem é o chefe._O pulso do garoto deslizou para o lado fazendo um corte de 7 cm de largura e 1cm de profundidade, algo leve para começar. O cativo gemeu e exclamou em defesa. — Eu juro! Eu não sei, pare!

— Perguntarei novamente. Qual o objetivo de vocês? Se falar eu não sei eu cravo minha espada na sua perna agora e deixo seu sangue inundar esse beco._Disse malignamente batendo a parte cega da lâmina contra a carne do cativo levemente.

— P-por favor._Outro corte, mais leve de 5cm de largura.— Tudo bem eu falo. Estamos roubando as vítimas e... se aproveitando das vítimas femininas._Disse em meio a choramingos não desejando outro retalho.

— Nanda? Vocês estão roubando e abusando das pessoas? Tsc, seu lixo eu vou te matar!_Exclamou o gënin.

— Ele está torturando o prisioneiro?_Sussurrou Yuki para sí mesma observando a cena do alto de uma cobertura de uma casa que compunha o beco. Cerrou o punho a garota ao ver a atitude, porém compreendeu a ação mesmo que aquilo a perturbasse. A mão de Yuki deslizou para a katana na bainha, analisava o garoto torturando o outro até que desistiu.

— Quem é o chefe de vocês?

— Não sei, por favor, não sei. Só fazemos por diversão, roubamos, ferimos...até matamos as vezes por favor!_Balançando a cabeça negativamente a katana desferiu outro corte só que peito do garoto, rasgando a camiseta e fazendo um fio vermelho sangue escorrer pela blusa e consequentemente, absorvendo a hemoglobina tingindo a roupa.— Nunca o vi, talvez Hayato o conheça ele é sempre aparece com essas ideias.

— Compreendo. Vocês tem uma base ou algo do tipo ?

— S-sim. A norte daqui tem um bar perto da muralha da vila, é la onde planejamos os ataques. Por favor, pare, pare._Implorou em meio aos soluços, os olhos do adolescente já estava vermelhos e os cortes já sangrava de modo a fazer uma pequena poça de 1cm de  profundidade no solo paposo e sujo do beco.— Cometeste crimes hediondos, como roubo e abuso em prol de "diversão". Sayonara._Erguendo o punho direito impulsionou a lâmina da direita para a esquerda em um corte horizontal a altura do pescoço, quando...

— KATSUO!_Era Yuki saindo da entrada do beco com a mão na katana olhando fixamente para o garoto que parou a lâmina e fitou-a em desapontamento ao ver que ela negou justiça a aqueles que ele e sua turma roubaram e abusaram.

— Ele merece morrer! Ele cometeu..._Bradou furioso com o corpo ardendo em fúria.

— Talvez mais não somos nós que vamos decidir isto, entregaremos ele a anciã mais tarde, precisamos continuar a perseguir os outros enquanto o rastro deles não some. Se esperarmos até amanhã os rastros deles sumirão!

— Omoshiroi, nega justiça as pessoas que ele machucou._O extremismo do garoto em relação a justiça estava acionado, aquela palavra confirmou isto e a garota segurou o punho dele impedindo que cortasse a cabeça do cativo e obrigando-o a recuar a lâmina até a bainha. — Não estou negando-lhe justiça, apenas acho que não cabe a nós fazer isto.

— Compreendo, sugiro irmos ao norte a um bar onde má elementos se reúnem, segundo ele é lá que sua turma planeja os delitos._Recuou a katana.

Os dois saíram do beco escuro deixando o cativo desacordado encostado ao lado de uma lata de lixo que cheira mal e pingava chorume escorria para o chão fazendo um poça de poucos centímetros. Yuki avançava na frente do garoto serpenteando entre a multidão avoada que comemorava aquela data festiva que parecia ser muito importante para eles. Dentre 20 minutos Yuki e Katsuo estava a porta do bar.

— Vamos nos disfarça Katsuo se entrarmos assim seremos alvos fáceis._Cochichou para o loiro que concordou com um sinal de cabeça. Os gënins partiram para uma rua pouco movimentada a algumas quadras e capturaram a imagem de dois homens altos e musculosos com pinta de má elementos e neles se transformara.— Eu vou na frente Katsuo._Disse tomando a frente sem o consentimento, porém o outro deixou sem objeções achando que ela seria melhor para o trabalho.

— São novos huh?_Disse um brutamonte que barrava a passagem para os não qualificados por sorte, este não era o caso com os dois. O brutamonte saiu do caminho dando passagem livre a Yuki e a Katsuo e os dois adentraram ao bar. O recinto era vermelho sangue com preto dando um contraste "vampiresco" ao local e a atmosfera pesada com o cheiro de bebida e tabaco ou ópio, isto os dois não conseguiram diferenciar mais não importava. Mulheres com pouca roupa andavam pelo local se exibindo e conversando com "cavalheiros" sentados. Yuki se retraiu em vergonha e timidez ao ver aquele lugar, o garoto compreendeu e tomou a dianteira. — Pode deixar Yuki. Vamos nos sentar e investigar se a turma está aqui._Katsuo sentou-se primeiro seguido da garota que olhava para os lados como se um trem fosse passar por cima dela a qualquer momento.

— Olá bonitões querem diversão?_Uma mulher se anunciou. Era alta e esbelta, cabelos pretos e olhos castanhos e vestia um vestido vermelho que contrastava com a cor do recinto e também exibia um belo decote que mostrava belos seios. O garoto corou um pouco e a garota tomou a frente. — Não obrigada...obrigado estamos bem._A mulher se afastou com uma carranca provavelmente por ter levado um fora.

— Hiroshi vamos nos separar e procurar pelos arruaceiros, qualquer coisa faça um sinal ou me procure.

— Hai!

Os dois se levantaram indo em direções opostas. Uma música com tom grave tocava atordoando o jovem que se esgueirava entre os clientes tentando não causar problemas, o barulho obstruía grande parte das vozes. — Minha cabeça!_ Parou recostado em uma parede ao lado de uma porta de ferro que estava entre aberta, o loiro se aproximou, 4 pessoas estavam naquele minúsculo quarto. Esticando o pescoço para mais fundo do quarto conseguiu ouvir algumas palavras.

— ...Sim...o "gran finale"...vamos fechar com chave de ouro e atacar a velha anciã quando ela...palco...noite..._Foi algo muito vago para o garoto que escorregou para frente batendo a cabeça na porta de ferro que se escancarou chamando a atenção dos 4 que estavam a planejar seu próximo golpe, Katsuo disparou do local apressando o passo e esbarrando nos clientes dos bares tentando localizar Yuki que conversava com um homem. — Yuki!...Vamos temos que ir._Bradou assustado pegando a garota transformada em um cara musculoso e arrastando-a para fora do bar e desaparecendo entre os becos e vielas.

— Que diabos está fazendo?_Exclamou desfazendo o henge e arrumando uma parte do kimono que estava fora do local, o garoto ficou observando-a e desviou o olhar para a parede voltando a falar.— Sei oque eles querem. Eles vão atacar a anciã quando ele fazer seu pronunciamento hoje no festival! É a nossa chance de pegá-los.

— Bom vamos nos infiltrar na multidão e atacá-los quando tentarem assim teremos a vantagem...Espera por que você não os pegou lá dentro era o momento perfeito!.

— E atrair um monte de brutamontes e criminosos daquele bar para um brigar? Sem chance.

— Tem razão...vamos ir para o festival e preparar o nosso ataque.

—Hai!_Exclamou Katsuo.

Os jovens avançaram pelos becos e vielas da pequena aldeia penetrando a parte mercantil da pequena cidadela onde, o festival estava ocorrendo e também onde estava o palco para shows e também, para o pronunciamento da velha anciã que era como a kage daquela vila. Os civis se juntavam cada vez mais para observar o show de fogos e também os malabaristas que faziam suas acrobacias com tochas acesas, encantando todos que estava ali enquanto, uma batida musical enfeitava como trilha sonora para o espetáculo.Dentre em alguns minutos a anciã apareceria para fazer seu pronunciamento formal as festividades.


Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.google.com
Haetae

Conselheiro | Outras Vilas
Conselheiro | Outras Vilas
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 19
Localização : Terra
Número de Mensagens : 990

Registo Ninja
Nome: Hayato Isao
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 1000
Total de Habilitações: 34

MensagemAssunto: Re: [Missão Rank C] Afugentar arruaceiros   Seg 15 Jul 2013 - 1:13

♠ ♠ ♠

Parte 4

♠ ♠ ♠

Missão #2 Hiroshi Katsuo e Yuki no Hana

♠ ♠ ♠

Os dois estavam metidos em meio a multidão eufórica que gritavam vivas e assobios para os malabaristas que a cada saudação, ousavam mais em suas apresentações ocasionando em olhares de impressionismo dos civis, o medo de algo dar errado não estava presente, os malabares tinham conquistado total confiança de seu público que estavam em transe. O fogo dançava na atmosfera como se fosse algum jutsu Katon.

— Katsuo, posicione-se nos telhados para observar e atacar de surpresa. Ficarei no térreo para evitar qualquer fatalidade._Disse autoritária empurrando o garoto para o aglomerado em direção a uma casa.

— Ficou louca? Será presa fácil se eles te encontrarem..._O cativo que o garoto tinha interrogado provavelmente fora salvo pelo seus compatriotas de baderna e era quase certo que ele entregara a identidade dos dois para os criminosos, a garota compreendia isso, porém, era o plano dela, atrair ao menos alguns criminosos para antecipar o próximo movimento e acabar com o atentado antes mesmo que começasse. Seria um tiro no escuro e um tiro barulhento!

— Faça o que mando!_Gritou empurrando o jovem, que virou com raiva, de ter sido mandado por uma garota.

Adentrando em um beco escalou uma parede manualmente, com auxílio de chakra para facilitar. Apoiando-se em frestas, janelas e qualquer buraco ou deformidade que o ajudasse. Por fim subiu ao teto, pulando para uma árvore que o camuflaria. A cena era linda do alto.

Os malabaristas jogaram seus bastões em chamas para o alto e realizando um salto mortal e pegando os instrumentos se posicionaram como se posassem para uma foto, os bastões apagaram, um segundo de silêncio se fez. A multidão foi ao exctâse, vibrando, agradecendo, pedindo bis.

— Muito bem! Agora farei um pronunciamento meu povo!_Surgia a anciã por detrás de algumas cortinas vermelhas, com um microfone na mão, alimentado por chakra de alguns ninjas contratados que ficava embaixo do palco. A multidão se calou imediatamente, como se fossem treinados para aquilo. A anciã se alegrou com a obediência do seu povo, o garoto fez uma cara de desprezo a tal obediência, como se desprezasse a ordem.— São tempos difíceis! Sim, são. Nossa pacata e pequena vila vem conseguindo se manter viva, unida, prosperante graças aos nossos negócios, que, estão sendo ameaçados. Ameaçados por traidores! Ameaçados pelo nossos próprios residentes! Eles vem atacando nossas caravanas de produtos, roubando o comércio local, magoando os moradores, tanto fisicamente quanto mentalmente... Porém não nos curvaremos a esses criminosos...Ven..._Um grito agudo e agonizante irrompeu a voz até mesmo do microfone da velha que parou olhando para a fonte de tal som, que, estragara seu glorioso discurso. Katsuo olhou também para Yuki e pode ver que a kunai dela estava banhada a um líquido vermelho vivo, de um homem jovem que agonizava, ela olhou para o garoto e ele entendeu.

— KATSUO!_Vociferou. A multidão se apavarou os próximos segundos foram borrões, apenas gritos, movimentação. Os civis corriam como formigas que eram cercadas, correndo de um lado para o outro como seres sem inteligência.

" Este é o resultado pela falta de treino e disciplina, gado... "

Três jovens surgiram de trás do palanque de madeira retirando punhais e correndo em direção a anciã, prontos para retirar a vida dela. Yuki empurrava os civis com brutalidade, reunindo chakra e aparecendo no palanque. Katsuo pulou da árvore, flexionado os joelhos e sacando a katana pronto para empalar um dos malfeitores em pleno ar. Ou assim pensava o garoto. O jovem baderneiro virou-se, observando a espada se aproximar a cada segundo, rapidamente ele reagiu, desviando.

Yuki já executava seu genjutsu no jovem assassino mais próximo da velha, deixando-o aterrorizado golpeando o ar com o punhal como se estivesse drogado ou sendo controlado. — CORRA SUA IDIOTA! CORRA E SE PROTEJA!_Bradou Yuki ordenando a mulher, que engoliu um seco de desprezo obedecendo e fugindo do palco.

O jovem continuava no genjutsu golpeando o ar, logo Yuki surgiu por detrás do mesmo aplicando uma rasteira e um chute brutal contra sua têmpora direita desacordando-o, e pegando o punhal e arremessando contra o outro que desviou facilmente.

Katsuo avançava contra o seu alvo realizando um combo de 3 golpes. O primeiro na diagonal da esquerda para direita visando o tórax, o segundo na diagonal da direita para a esquerda e o último vertical de cima para baixo, realizando o jutsu Hadan (Ruptura) forçando o inimigo contra o palanque e afundando no chão inconsciente. Não achando o bastante o garoto sacou uma kunai atirando contra o crânio do jovem assassino, justiça foi feita em sua mente.

Yuki observou tal ato com desprezo, não era preciso matá-lo segundo ela. Ele já estava desacordado e não tinha uma arma apropriada a não ser um punhal, o garoto observou seu olhar de desprezo e ignorou. A menina também já tinha derrotado, estava em cima do jovem segurando-o pela gola e falando. — Seu lixo, seus planos foram frustrados._ O adolescente caiu em gargalhadas de escárnios olhando para onde a velha tinha ido.

— Não sua tola, fomos meramente peões. O verdadeiro ataque está para começar a velha que acaba de fugir em meio a multidão. Pelo jeito esnobe dela, ela vai querer fugir sozinha e sair do meio do povão e vai pelos becos, sabe becos são ótimos lugares para ataques surpresas... A-a.._ Uma kunai fora cravada na garganta dele pelo garoto que arremessara, o adolescente tentava respirar mais em vez disso apenas sangue surgia, formando uma poça, a vida se esvaía do corpo dele indo para o inferno, que era o lugar daquela besta em forma de humano.

— FILHO DA PUT@#$! não precisava matá-lo eu já lhe disse._Vociferou.

— Justiça foi feita. Ele conspirou contra uma pessoa inocente sem ao menos perguntar o motivo, seguiu cegamente objetivos que até ele desconhecia, aceitou a verdade sem questioná-la e foi irracional em suas ações. Acabou? A anciã está por ai e  precisa ser salva._ Falou com um tom sereno e apático que chegou a assustar a garota, que cerrou o punho dirigindo um soco contra a face do garoto que desviou.

— Regra shinobi: Não tenha sentimentos com o inimigo. Execute sua missão. Nunca lute com raiva._Proferiu indo em direção a rota de fuga da anciã. — Vamos, ou pretende lamentar-se aos "terroristas"?...Sabe, não me leve a mal. Eu acredito em algo. Quando matamos um, podemos salvar centenas talvez. É nisso que acredito.

Os dois avançaram com diversos shunshis para a rota de fuga da anciã. Yuki carregava já um ódio pelos atos de Hiroshi, na mente dela, não era preciso matá-los, bastava entrega-los a anciã para que ela decidisse o destino deles que na mente do garoto, seria, certamente, a morte.

Continua...




Como ela não postou, postei, dei a deixa para ela continuar caso queira mais se não o fizer postarei o último combate.


Citação :
Edit by Bruno Moraes: Exclui o post dele já que não tinha nada, para não ocupar espaço, mas peço para logo acabar a missão, pois não pode estar em missão para o Exame Chuunin. OK Wink 
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.google.com
Haetae

Conselheiro | Outras Vilas
Conselheiro | Outras Vilas
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 19
Localização : Terra
Número de Mensagens : 990

Registo Ninja
Nome: Hayato Isao
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 1000
Total de Habilitações: 34

MensagemAssunto: Re: [Missão Rank C] Afugentar arruaceiros   Qui 18 Jul 2013 - 21:01

♠ ♠ ♠

Parte Final

♠ ♠ ♠

Missão 2# Hiroshi Katsuo e Yuki no Hana

♠ ♠ ♠

Katsuo e Yuki estavam correndo pela cidade atrás da anciã, que mal sabia o destino que a aguardava. A garota estava no alto, indo pelos prédios para tentar enxergar melhor e o loiro estava a ir por terra mesmo, seguindo os rastros da mulher que eram bem visíveis. De repente um grito bem alto invadiu os tímpanos dos dois, era a mulher.

— HAYAKU!_Concentrando o chakra e distribuindo-o homogeneamente pelo corpo saltou, flexionando os joelhos com força para pegar impulso sumindo em um shunshin. A garota não hesitou e o seguiu.

— Não ataque sem pensar Katsuo._Disse ela, o garoto ignorou já levando a mão a katana e a retirando.

— Muito bem anciã, foi um ótimo discurso realmente muito bom. Mais não vou deixar que você ou qualquer ninjazinho pare com o meu precioso negócio._Falava um homem com um chapéu de camponês de palha com dois guizos vermelhos presos a ele, carregava uma kunai na mão, pronto para estripar a mulher ali. Ele avançou contra ela visando o fígado e os rins.

— Acho que não! Haaaaayaaa! Kumö-Ryu: Omotegiri!_O loiro surgiu do telhado golpeando o homem no ombro direito, que desviou com uma cambalhota para trás arremessando a kunai enquanto pulava, de repente, um punhal veio do alto interceptando a do homem. Pegar o punhal de um dos criminosos foi uma ótima ideia de Yuki.

— Seu inútil pare de atacar sem pensar._Vociferou do alto a garota.

— Você pensa demais nas coisas sua idiota._Devolveu Katsuo.

O homem ajeitou o chapéu de palha para olhar melhor os dois ninjas. Analisando-os de cima a baixo deixou uma gargalhada de escárnio acompanhada de um sorriso irônico escapar da face. Seu semblante não era bem visível, a escuridão que a noite projetava no beco impedia isso e o chapéu dificultava ainda mais. — Então vocês mataram meus subordinados huh?

Os dois ficaram calados. Apenas observando a situação. O homem riu novamente se deliciando com a situação, achando que já tinha ganho aquela luta, avançou sem delongas sacando duas garras condutoras de chakra, sumiu em um shunshin atacando Yuki com um golpe em X contra suas costas.

A garota pulo para trás, reunindo chakra e focalizando a visão no homem realizou um genjutsu o Narakumi no Jutsu, fazendo o inimigo pensar que estava presenciando o inferno na terra. Começou a golpear o ar como se estivesse se defendendo de algo, mas, não durou muito e ele juntou as mãos se livrando com um kai, mais a abertura de poucos segundos foi o suficiente para Yuki executar o jutsu Kasumi Jüsha no Jutsu criando inúmeras cópias ilusórias, facilmente se misturou entre eles, logo, jogou alguns papéis bombas na direção do homem os multiplicando com o seu jutsu Gankasu Ken. — Pois bem, esse jutsu foi feito para multiplicar um objeto com o auxílio de meu chakra, se você pisar em falso, BOOM! Você explode!_A voz da garota soava como um eco entre os clones, dando uma sensação de suspense e agonia ao homem.

" Muito bom. "_ Pensou o loiro subindo no prédio e o observando de longe, com a katana sacada. Lentamente, sacou uma kunai de três pontas com a mão esquerda. E a jogou na direção dos selos explosivos colocados ao chão, na intenção de explodir-los. — Yuki!_Bradou, ela entendeu e recuou saltando para o lado do garoto. Em segundos uma explosão, uma não, uma cadeia de explosões se fez destruindo completamente a cobertura daquele prédio.

— Será que ele morreu?_Perguntou Katsuo.

— Fedelhos malditos, vocês são melhores do que eu pensei. Muito bem vamos acabar com isso._ Disse surgindo entre os escombros do prédio e ficando a 5 metros dos dois. Katsuo agarrou a katana e correu contr ao homem, deixando a katana do lado direito do corpo a altura da cintura golpeou com um corte ascendente.

As garras logo agiram bloqueando o corte e voando contra a face do garoto, que, evitou o corte rebatendo com a sua katana. Abaixando-se rotacionou no próprio eixo em 360 º dando uma rasteira no homem, que evitou facilmente pulando e já dirigindo dois cortes com as garras de 3. Realizando alguns selos e concentrando o chakra desviou com um Kawarimi, aparecendo atrás do homem que virou-se em segundos pronto para atacar, sedento por sangue e tomado pela raiva de estar sendo confrontado de igual para igual com duas crianças.

5 kunais de três pontas voaram contra o tórax do criminoso, infelizmente, em vão. Os projéteis foram bloqueados com uma defesa em "X" feita pelas duas garras juntas na região do tórax. Katsuo olhou para trás para ver sua companheira, que, tinha sumido, isso foi um erro, abrir a guarda. Um corte de uma das garras atingiu o braço esquerdo criando um corte de 15cm e 1cm de profundidade rasgando o kimono e deixando o braço sangrando.

— M-Maldito (Respiração ofegante e gemidos de dor)._Falou calmo. O ferimento não era nada para ele, o que o preocupava era o sumiço da garota.

— Sua amiga te abandonou em batalha huh? Não faz diferença, vou achá-la e matá-la de um jeito ou de outro.

" Desertora, me abandonou em batalha, sabia que não podia confiar nessa garota tsc. Por isso que garotas sempre são inúteis e não servem para serem ninjas. "

O ódio já crescia na mente do jovem assim como o extremismo dele em relação a justiça já começava a se manifestar. Pretendia matar o homem e também a garota que o abandonou. Retirando um pedaço de pano do kimono, amarrou no ferimento de maneira desajeitada improvisando um curativo provisório. A mão de Katsuo tremia incessantemente, até ele se perguntava o por que.

" Kisama! Kisama! Pare de tremer, pare de tremer e lute. "

Assumiu uma posição de kendo básica. Distanciou as pernas mantendo a dominante a frente, os joelhos flexionados e a katana em riste, tremendo, talvez em medo ou insegurança não sabia ao certo. O homem sorriu se divertindo com a condição do garoto, e desapareceu em um shunshin tentando golpeá-lo pelas costas.

O garoto se virou interceptando o corte de uma das garras, a outra avançava, voraz, contra sua face pronto para arrancar uma quantidade considerável de carne. O loiro se abaixou desviando da garra quase que por instinto de sobrevivência, contra-atacando fez-se um corte ascendente na costela direita do homem que gemeu de dor e ódio recuando um metro. — Seu merdinha!

— Venha, estamos de igual para igual agora. Ambos feridos e com suas armas.._Devolveu. — Venha o fracote, não merece ser chefe de alguém, até seus subordinados deram mais trabalho que você seu lixo humano._Estratégia de combate, provocação. Levar o inimigo perder a cabeça para fazê-lo abrir sua guarda.

— Hmm...Eu sei o que está fazendo. Quer me tirar do sério, não?_Falou o homem ajeitando o chapéu.

— Huh? Não sei do que está falando, afinal, tudo que disse foi verdade._Retrucou ácido e irônico.

— É você não é muito inteligente mais tenho que admitir...EU ESTOU IRRITADO COM VOCÊ SEU MERDINHA..._Falou com um sorriso de escárnio estampado na face, de orelha a orelha.

O homem correu em direção ao garoto que se preparou, as garras ao lado de cada costela do homem, prontas para perfurar o tórax do garoto e empalá-lo a completamente, de repente, Yuki surgiu atrás do homem no alto dirigindo um pontapé contra sua cabeça. O homem virou-se rapidamente e segurou o pé dela arremessando-a contra Katsuo, que guardou a katana conseguindo pegá-la e evitar a queda da garota.

— Katsuo me escute.._Falou baixo enquanto saia do colo do garoto.

— Traidora, quando isso acabar em mesmo vou lhe executar..

— Shh, não te abandonei. Coloquei selos explosivos nesse prédio, na hora certa vou dar sinal e vou ativá-los, se conseguirmos ganhamos, se errarmos perdemos..

— Tsc, está bom.

— O que vocês estão cochichando ai seus vermes?_Exclamou correndo na direção dos dois com as garras prontas para atacá-los. Katsuo sacou 10 kunais e as lançou contra o homem, ele pulou para o lado e continuou a correr, estava a 2 metros.

— AGORA!_Gritou a garota pulando para trás para o outro prédio e executando um selo nulo, canalizando o chakra, agitou os selos explosivos presos a toda estrutura do prédio iniciando a demolição do mesmo. Katsuo pulo também assistindo o homem ser consumido pelas explosões e gritar em agonia. Os escombros ajudavam, sepultando-o naquele local. Os civis que ainda corriam, ficaram apavorados, achavam que estava sofrendo um ataque em massa de outras vilas.

— Está feito._Disse a garota com tom melancólico.

— Cade a anciã?_Perguntou o garoto.

— Está a salva, no gabinete dela._Respondeu a garota.

— Vamos..._ Falou Katsuo.

" Para quem não queria matar os criminosos... "

...

Na viagem de volta, os dois voltaram para Kumo para entregar os seus relatórios da missão feita e prontos para receber as devidas recompensas em ryos e um pergaminho selado. O dia estava ensolarado e a garota estava no portão norte da vila com sua mochila. Katsuo chegou em um shunshin. — Foi bom...trabalhar com você...mesmo sendo garota..._ O garoto nunca deu muito valor a kunoichis e também nunca teve jeito com elas, corou.

— Ah..o-obrigado Katsuo foi bom também trabalhar com você, obrigado por deixar eu conhecer sua vila, espero que um dia visite a minha. Sayonara, Katsuo-san._Disse a garota acenando com a mão e indo para a estrada.




Pronto, terminei.
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.google.com
Shim

Membro | Konoha
Membro | Konoha


Sexo : Masculino
Idade : 24
Número de Mensagens : 54

Registo Ninja
Nome: Hikari Hyuuga
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 0
Total de Habilitações: 24

MensagemAssunto: Re: [Missão Rank C] Afugentar arruaceiros   Sex 19 Jul 2013 - 3:46

Desculpa Haetae fiquei sem pc e pelo celular não conseguia postar desculpa mesmo. Estou muito envergonhado desculpa mesmo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Tio Tsu

Administrador | Kumo
Administrador | Kumo
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 21
Localização : Nárnia, where unicorns tend to live!
Número de Mensagens : 5768

Registo Ninja
Nome: Shikaku Kinkotsu
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 0
Total de Habilitações: 24

MensagemAssunto: Re: [Missão Rank C] Afugentar arruaceiros   Sex 19 Jul 2013 - 12:41

Reservado
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.narutoportugalrpg.com/rpg_sheet_edit.forum?tid=12c1c6
Haetae

Conselheiro | Outras Vilas
Conselheiro | Outras Vilas
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 19
Localização : Terra
Número de Mensagens : 990

Registo Ninja
Nome: Hayato Isao
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 1000
Total de Habilitações: 34

MensagemAssunto: Re: [Missão Rank C] Afugentar arruaceiros   Sex 19 Jul 2013 - 18:23

Não se preocupe Shim ^^
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.google.com
Haetae

Conselheiro | Outras Vilas
Conselheiro | Outras Vilas
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 19
Localização : Terra
Número de Mensagens : 990

Registo Ninja
Nome: Hayato Isao
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 1000
Total de Habilitações: 34

MensagemAssunto: Re: [Missão Rank C] Afugentar arruaceiros   Seg 22 Jul 2013 - 19:51

BUMP
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.google.com
Ozzymandias

Membro | Nukenin
Membro | Nukenin
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 60
Localização : Unknown
Número de Mensagens : 4010

Registo Ninja
Nome: Hiroshi Daisuke
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 15190
Total de Habilitações: 1029

MensagemAssunto: Re: [Missão Rank C] Afugentar arruaceiros   Seg 22 Jul 2013 - 20:01

Reservo por cima... Mas só poderei avaliar amanhã a tarde. Se algum ADM quiser avaliar antes é só riscar e continuar... Razz 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Haetae

Conselheiro | Outras Vilas
Conselheiro | Outras Vilas
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 19
Localização : Terra
Número de Mensagens : 990

Registo Ninja
Nome: Hayato Isao
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 1000
Total de Habilitações: 34

MensagemAssunto: Re: [Missão Rank C] Afugentar arruaceiros   Qui 25 Jul 2013 - 6:33

BUMP!
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.google.com
Ozzymandias

Membro | Nukenin
Membro | Nukenin
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 60
Localização : Unknown
Número de Mensagens : 4010

Registo Ninja
Nome: Hiroshi Daisuke
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 15190
Total de Habilitações: 1029

MensagemAssunto: Re: [Missão Rank C] Afugentar arruaceiros   Qui 25 Jul 2013 - 21:28

Avaliação de Hiroshi Katsuo

Habilitações Ninja:

Ninjutsu: 7,75 + 0,5 = 8,25
Taijutsu: 4,75 + 0,5 = 5,25
Kenjutsu: 10,25 + 1,5 = 11,75
Genjutsu: 0
Selos: 5,5 + 0,25 = 5,75
Trabalho em Equipa: 0


Habilitações Físicas:

Força: 5 + 0,25 = 5,25
Agilidade: 6,5 + 1,25 = 7,75
Controlo de Chakra: 9,25 + 0,5 = 9,75
Raciocínio: 2,5
Constituição: 6,75 + 0,25 = 7


Avaliação: 5/7

Total de Habilitações: 58,25 + 5 = 63,25

Comentários:

Olha, foi uma ótima missão! gostei bastante e tal, mas eu achei que foi muito mais texto do que descrição de golpes e manobras. O capricho ficou por parte dos cortes da katana, mas não vi o básico "focalizou chakra" ou "agilmente" na maioria dos posts. Por isso, apesar de ter sido uma boa missão, não ganhastes tantos pontos como merecia. Lembre-se da diferença entre filler e missões ou treinos. O avaliador precisa entender aquilo que se fez, o mais detalhadamente possível. Não se esqueças. Outra coisa que notei é que lhe faltou variação. Estranho é que Yuki variou bastante os golpes e táticas. Mas seu personagem não. Praticamente avançou, cortou e esquivou, depois cortou de novo. Bom, e em relação à Shim, infelizmente não poderei pontuar ou dar-lhe recompensa, dando metade do que lhe seria direito para seu companheiro de missão.

PS.: Desculpa a demora... Estou doente. Embarassed Atualizando. Atualizado.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Amano Yukiteru

Membro | Kumo
Membro | Kumo
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 17
Número de Mensagens : 36

Registo Ninja
Nome: Amano Yukiteru
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 560
Total de Habilitações: 36

MensagemAssunto: Re: [Missão Rank C] Afugentar arruaceiros   Dom 28 Jul 2013 - 14:25

desculpe erro meu retiro minha inscrição
Voltar ao Topo Ir em baixo
killer999

Administrador | Konoha
Administrador | Konoha
avatar

Sexo : Masculino
Idade : 26
Localização : In your head
Número de Mensagens : 12265

Registo Ninja
Nome: Angelus
Ryo (dinheiro) Ryo (dinheiro): 31866
Total de Habilitações: 693,75

MensagemAssunto: Re: [Missão Rank C] Afugentar arruaceiros   Dom 28 Jul 2013 - 14:29

Como podes ver, a missão já foi realizada por um membro... (E só te podes inscrever em uma de cada vez)
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.dragonball-pt.info
 
[Missão Rank C] Afugentar arruaceiros
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
A tua mensagem foi automaticamente gravada. Poderás recuperá-la caso aconteça algum problema
Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto Portugal RPG :: Kumogakure :: Missões :: Missões Arquivadas-
'); }